Prefeitura de Dourados
Dirio Oficial - Prefeitura de Dourados

Edição 4226 – 09/06/2016

download do arquivo

 

ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO OFICIAL DE DOURADOS FUNDADO EM 1999
ANO XVIII Nº 4.226 15 PÁGINAS
Prefeito ……………………………………………………………………………………………….Murilo Zauith …………………………………………………………….3411-7664
Vice-Prefeito ………………………………………………………………………………………..Odilon Azambuja ……………………………………………………….3411-7665
Agência Municipal de Transportes e Trânsito de Dourados…………………………Ahmad Hassan Gebara ……………………………………………..3424-2005
Assessoria de Comunicação Social e Imprensa……………………………………….. ……………………………………………………………………………….3411-7626
Chefe de Gabinete ………………………………………………………………………………..Lourdes Maria Mendes ………………………………………………3411-7664
Fundação de Esportes de Dourados ……………………………………………………….José Antonio Coca do Nascimento ………………………………3411-7702
Fundação Municipal de Saúde e Administração Hospitalar de Dourados ……..Roberto Djalma Barros……………………………………………….3410-3000
Guarda Municipal ………………………………………………………………………………….João Vicente Chencarek ……………………………………………3424-2309
Instituto do Meio Ambiente de Dourados …………………………………………………. ……………………………….3428-4970
instituto de Previdência Social dos Servidores do Munic. de Dourados-Previd..Antônio Marcos Marques…………………………………………..3427-4040
Procuradoria Geral do Município …………………………………………………………….Ilo Rodrigo de Farias Machado ……………………………………3411-7761
Secretaria Municipal de Administração …………………………………………………….João Azambuja………………………………………………………….3411-7105
Secretaria Municipal de Agricultura Familiar e Economia Solidária………………Landmark Ferreira Rios ……………………………………………..3411-7299
Secretaria Municipal de Assistência Social……………………………………………….Ledi Ferla …………………………………………………………………3411-7742
Secretaria Municipal de Cultura ………………………………………………………………Carlos Fábio Selhorst dos Santos………………………………..3411-7709
Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico Sustentável …………….. …………………………………………..3411-7104
Secretaria Municipal de Educação ………………………………………………………….Ilda Miya Kudo Sequia ……………………………………………….3411-7158
Secretaria Municipal de Fazenda…………………………………………………………….Alessandro Lemes Fagundes ……………………………………..3411-7722
Secretaria Municipal de Governo…………………………………………………………….José Jorge Filho………………………………………………………..3411-7672
Secretaria Municipal de Infraestrutura e Desenvolvimento …………………………Jorge Luis De Lúcia …………………………………………………..3411-7788
Secretaria Municipal de Planejamento …………………………………………………….Luis Roberto Martins de Araújo……………………………………3411-7112
Secretaria Municipal de Saúde ……………………………………………………………….Sebastião Nogueira Faria …………………………………………..3410-5500
Secretaria Municipal de Serviços Urbanos ……………………………………………….Márcio Wagner Katayama…………………………………………..3424-3358
Elizabeth Rocha Salomão
Upiran Jorge Gonçalves Da Silva
Prefeitura Municipal de Dourados – Mato Grosso do Sul
Rua Coronel Ponciano, 1.700
Parque dos Jequitibás – CEP.: 79.839-900
Fone: (67) 3411-7652 / 3411-7626
ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL E IMPRENSA
E-mail: diariooficial@dourados.ms.gov.br
Visite o Diário Oficial na Internet:

http://www.dourados.ms.gov.br

DECRETOS
DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
DECRETO N° 2.406 DE 16 DE MAIO DE 2016
Murilo Zauith
Prefeito Municipal
Ilo Rodrigo de Farias Machado
Procurador Geral do Município
DECRETO Nº 2.424, DE 1º DE JUNHO DE 2016.
“Altera a redação o art. 2º do Decreto n°. 1075 de 12 de setembro de 2012” e
nomeia os membros do Comitê de Investimentos no âmbito do Instituto de
Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID.
“Constitui a Comissão de Levantamento físico e avaliação de Bens Imóveis e de
Infraestrutura da Prefeitura Municipal de Dourados para o exercício de 2016 e
encerramento da gestão 2013-2016.”
O PREFEITO MUNICIPALDE DOURADOS, Estado de Mato Grosso do Sul, no
uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município,
DECRETA:
Art. 1º.Oart. 2º do Decreto n°. 1075 de 12 de setembro de 2012 que dispõe sobre a
criação do Comitê de Investimentos no âmbito do Instituto de Previdência Social dos
Servidores do Município de Dourados – PREVID, e dá outras providências, passa a
viger com a seguinte redação:
Art. 2°- O comitê de investimentos será composto pelos seguintes membros,
devendo ser servidores efetivos do Município:
I – Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do
Município de Dourados como membro nato;
II – Diretor financeiro do Instituto de Previdência Social dos Servidores do
Município de Dourados como membro nato;
II – umrepresentante do Conselho Curador;
III – quatro membros escolhidos dentre o quadro de servidores ativo ou inativo,
recaindo esta escolha a servidores que possuam formação superior, preferencialmente
nos cursos de Economia, Ciências Contábeis, Administração, Direito, Engenharia ou
Ciências Exatas.
Art. 2º. Ficam nomeados para compor o Comitê de Investimento do Instituto de
Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados/MS – PREVID, os
servidores abaixo relacionados, conforme segue:
I – Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do
Município de Dourados como membro nato:
-Antonio Marcos Marques
II – Diretor financeiro do Instituto de Previdência Social dos Servidores do
Município de Dourados como membro nato:
- RosaneAparecida Fritzen D’Sampaio Ferraz
III – representante do Conselho Curador:
-Ademir Martins Sanches.
IV – representantes dos servidores, aprovadosemreunião do Conselho Curador:
-Andreia Londero Bonatto;
- Luiz Constância Pena de Moraes.
- Luis Carlos Rodrigues Morais;
-Antonio Carlos Quequeto.
Parágrafo único: Designa o senhor Antonio Marcos Marques, Diretor Presidente
do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município, para responder como
gestor de recursos do PREVID, perante o MPS, sendo o mesmo devidamente
certificado comCPA- 10.
Art. 3º. Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, com efeitos
retroativos a 10 de maio de 2016.
Dourados, 16 de maio de 2016.
O Prefeito Municipal de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, no uso das
atribuições conferidas peloArt. 66, inciso II da Lei Orgânica do Município;
Considerando que a elaboração de um levantamento patrimonial compreende a
discriminação organizada e analítica de todos os bens permanentes e dos respectivos
valores;
Considerando a necessidade de padronizar os processos pertinentes à elaboração
do Levantamento Físico eAvaliação de Bens Imóveis e de infraestrutura da Prefeitura
Municipal de Dourados;
Considerando o atendimento às determinações legais, a implementação da Política
de Modernização da Gestão Patrimonial e as exigências das Normas de Contabilidade
Aplicadas ao Setor Público (NBCASP);
Considerando o encerramento do mandato da gestão 2013/2016.
DECRETA:
Art. 1º. Fica constituída a Comissão de Levantamento Físico eAvaliação de Bens
Imóveis e de infraestrutura da Prefeitura Municipal de Dourados, com os membros
relacionados abaixo:
I – Representantes da Secretaria Municipal deAdministração (SEMAD):
Doraline Hélen Marques dos Santos Bitencourt;
Fransérgio Sampatti Santos Matos.
II – representantes da Secretaria Municipal de Planejamento (SEPLAN):
Aida Mohamed Ghadie.
Shinsuke Ono.
III – representantes da Procuradoria Geral do Município (PGM):
Lourdes Peres Benaduce;
Luciane Fernandes Mendes.
IV – representante daAgência Municipal de Habitação (AGEHAB):
Ana Laura Praxedes Soares;
V- representantes da Secretaria Municipal da Fazenda (SEMFAZ):
Rosenildo da Silva França;
Júlia Graciela de Oliveira.
VI – representantes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (SEMID):
Luis Carlos dos Santos;
Silvano de Souza Silva.
VII – representante da Secretaria Municipal de Governo (SEGOV):
HernandesVidal Oliveira.
Art. 2º. Ficam designados os servidores abaixo para compor a Comissão Central de
Levantamento Físico e Avaliação dos Bens Imóveis e de Infraestrutura da Prefeitura
Municipal de Dourados e fazer cumprir as determinações baixadas neste decreto, nas
seguinte funções:
I -HernandesVidal Oliveira – Presidente
II – Júlia Graciela de Oliveira –Vice-Presidente
III – Fransérgio Sampatti Santos Matos – Secretário
Art. 3º.Aos membros da Comissão compete:
I – Verificar a localização física e fazer o levantamento de todos os bens
patrimoniais imóveis desta municipalidade, tendo como data de corte os imóveis e
02 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
DECRETOS
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226
infraestruturas com término, aquisição, permuta e doação de 01/01/2011 a
31/12/2016;
II – Reunir as documentações relacionadas abaixo, de cada imóvel ou
infraestrutura, e encaminhar à Assessoria de Bens Patrimoniais
Permanentes/SEMAD:
a) Permuta: lei autorizativa, avaliação e documentação dos imóveis áreas
permutadas;
b) Doação: lei autorizativa, avaliação e documentação do imóvel doado;
c) Desapropriações: Decreto, avaliação e documentação do imóvel desapropriado;
c) Aquisição de Imóveis, Construção Predial e de Infraestrutura: Empenhos, Notas
fiscais, medições, termo de conclusão da obra.
II -Avaliar todos os bens imóveis que constam no sistema patrimonial e contábil e
emitirumlaudo técnico contendo ao menos, as seguintes informações:
a) Documentação com a descrição detalhada referente a cada bem imóvel que
esteja sendo avaliado;
b) Identificação Contábil do bem;
c) Critérios utilizados para a avaliação e suas fundamentações;
d) Data da avaliação;
e) Identificação dos responsáveis pela avaliação.
Parágrafo único: para cada imóvel público identificado deverá ser autuado um
Processo Administrativo, no qual serão juntados todos os documentos acima
indicados e outros que se entenderem pertinentes.
Art. 4º. Fica estipulada a entrega quinzenal, ao presidente da comissão, dos
documentos referentes aos imóveis e infraestruturas, assim como as avaliações dos
imóveis para lançamentos no sistema patrimonial e contábil.
Art. 5º. Fica estipulada a data de fechamento do levantamento de que trata este
decreto até 10 de outubro de 2016.
Art. 6º. As reuniões da comissão serão semanais, sendo obrigatória a presença dos
membros da presente Comissão, isentando-se da presença apenas mediante
justificativa plausível.
Art. 7º. Este Decreto entraemvigor na data de sua publicação.
Dourados (MS), 1º de junho de 2016.
O PREFEITO MUNICIPALDE DOURADOS, Estado de Mato Grosso do Sul, no
uso das atribuições que lhe são conferidas no inciso II do Art. 66 da Lei Orgânica do
Município.
DECRETA:
Art. 1º. Fica homologado o Regimento Interno do Conselho Gestor do Fundo
Municipal de Saneamento de Dourados, constante no anexo único deste decreto.
Art. 2º. Este Decreto entraráemvigor na data de sua publicação
Dourados, 1º junho de 2.016.
CAPÍTULOI
da Finalidade
Art. 1°. O Conselho Gestor do Fundo Municipal de Saneamento de Dourados,
criado pela Lei nº. 3.933 de 13 de outubro de 2015, órgão colegiado consultivo,
deliberativo e fiscalizar vinculado à Secretaria Municipal de Planejamento, integrado
por representantes da Administração Municipal e da SANESUL, tem como finalidade
gerir a aplicação do Fundo Municipal Saneamento.
CAPÍTULOII
da Competência
Art. 2°. Compete ao Conselho Gestor do Fundo Municipal de Saneamento:
I – Gerir o Fundo Municipal de Saneamento;
II – Definir os critérios para a seleção dos programas e projetos a serem financiados
com recursos do Fundo Municipal de Saneamento para dar cumprimento aos
objetivos, finalidades e diretrizes estabelecidas na lei;
III – Aprovar a destinação e utilização dos recursos do Fundo Municipal de
Saneamento.
IV – Acompanhar e fiscalizar a aplicação dos recursos do fundo, solicitando, se
necessário, o auxílio do órgão de finanças do Executivo.
V-Aprovar semestralmente as demonstrações de receitas e despesas do Fundo.
VI -Agestão patrimonial, de bens, valores e títulos, do Fundo;
VII – Suspender o desembolso de recurso caso sejam constatadas irregularidades
na aplicação;
VIII – manter o controle sobre convênios ou contratos com previsão de recursos
destinados ao Fundo Municipal de Saneamento;
IX – Elaborar seu regimento interno.
CAPÍTULOIII
da Composição e Funcionamento
Art. 3°. O Conselho Gestor é composto por 05 (cinco) membros titulares, com os
seus respectivos suplentes, a saber:
I -OSecretário Municipal de Planejamento;
II -Umrepresentante da Secretaria Municipal de Planejamento;
III -Umrepresentante da Sanesul;
IV -Umrepresentante da Secretaria Municipal de Fazenda;
V-umrepresentante da Procuradoria Geral do Município.
§ 1º. A presidência do Conselho Gestor do Fundo será exercida pelo Secretário
Municipal de Planejamento.
§ 2º. Os Conselheiros titulares e suplentes, indicados pelos respectivos titulares
dos Órgãos e Entidades, serão nomeados pelo Prefeito Municipal, para mandato de 02
anos, permitida uma única recondução.
§ 3º. Os membros nomeados para Conselho Gestor do Fundo Municipal de
Saneamento exercerão seus mandatos enquanto titulares de seus cargos.
§ 4º. No caso de substituição de conselheiro titular automaticamente assumirá o
seu respectivo suplente;
§ 5º. No caso de substituição de conselheiro suplente, assumirá essa suplência
membro indicado pelo segmento.
CAPÍTULOIV
da Estrutura e das Reuniões
Art. 4°. O Conselho Gestor do Fundo Municipal de Saneamento tem a seguinte
estrutura de funcionamento:
I – Presidência;
II – Reuniões de Conselheiros.
Seção I
da Presidência
Art. 5º. Ao presidente do Conselho Gestor compete a função de ordenador das
despesas dos recursos do Fundo, e ainda:
I – Convocar e coordenar as reuniões ordinárias e extraordinárias do Conselho;
II -Assinar os atos decorrentes das deliberações do Conselho;
III – Submeter à apreciação do Conselho as propostas de aplicação dos recursos do
Fundo;
IV – Apresentar ao Conselho o relatório semestral de Gestão e prestação de contas
da aplicação do Fundo Municipal de Saneamento;
V- Representar o Conselhoemtodos os seus atos;
VI -Autorizar as publicações que se fizerem necessárias.
Seção I
Das Reuniões
Art. 6º.OConselho reunir-se-á trimestralmente em caráter ordinário ou a qualquer
tempo,emcaráter extraordinário, por convocação de qualquer de seus membros.
§ 1º. O calendário e o local das reuniões serão estabelecidos pelo Presidente,
ouvido os demais membros.
§ 2°. As reuniões ordinárias serão convocadas com quarenta e oito (48) horas de
antecedência, constando na convocação à ordem do dia.
§ 3º.Emse tratando de reuniões extraordinárias, dispensar-se-á o prazo previsto no
parágrafo anterior.
Art. 7°.As decisões do Conselho serão tomadas por maioria simples dos membros
presentes.
§ 1º. Cada membro terá direito a umvoto, sendo vetado o voto por procuração.
§ 2°.Emcaso de empate nas decisões, caberá ao Presidente o voto de qualidade.
Art. 8º. As decisões e atos, objeto de apreciação, julgamento e aprovação do
Conselho, serão transcritas em atas assinadas e rubricadas pelos membros e lançadas
em livro próprio, e nelas se resumirão com clareza os fatos relevantes ocorridos
durante a sessão, devendo conter:
I. Dia, mês, ano e hora da abertura e encerramento da sessão;
II.Onome do Presidente;
III. Os nomes dos membros que houverem comparecido, bem como dos eventuais
convidados;
IV. O registro dos fatos ocorridos, dos assuntos tratados, dos pareceres e
deliberações.
Art. 9º.As atas deverão ser publicadas no Diário Oficial do Município.
CAPÍTULOV
das Disposições Finais
Art. 10. As funções dos membros do Conselho não serão remuneradas, sendo
consideradas como serviço público relevante.
Art. 11. Este regimento interno só poderá ser alterado mediante decreto expedido
pelo Prefeito Municipal após aprovação da nova redação por maioria absoluta dos
membros do conselho.
Murilo Zauith
Prefeito Municipal
Ilo Rodrigo de Farias Machado
Procurador Geral do Município
DECRETO N° 2.426, DE 1º DE JUNHO DE 2016.
Murilo Zauith
Prefeito Municipal de Dourados
Ilo Rodrigo de Farias Machado
Procurador Geral do Município
REGIMENTO INTERNO DO CONSELHO GESTOR DO FUNDO
MUNICIPALDESANEAMENTODEDOURADOS
“Homologa o Regimento Interno do Conselho Gestor do Fundo Municipal de
Saneamento de Dourados.”
03
EDITAIS
EDITAL
Zelinda Inês Silva Lima Fernandes
Diretora Superintendente – AGEHAB
EDITAL
Zelinda Inês Silva Lima Fernandes
Diretora Superintendente – AGEHAB
EDITAL
Zelinda Inês Silva Lima Fernandes
Diretora Superintendente – AGEHAB
MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS, pessoa jurídica de direito público interno,
devidamente inscrito no CNPJ sob nº. 03.155.926/0001-44 com sede na Rua Coronel
Ponciano nº. 1700, nesta cidade de Dourados-MS, por interveniência da Agência
Municipal de Habitação de Interesse Social – AGEHAB, através da Diretora
Superintendente Zelinda Inês Silva Lima Fernandes, ao final firmado, pelo presente
instrumento, à vista do falecimento do beneficiário do imóvel determinado pelo Lote
10 da Quadra 01 do Loteamento Social Canaã Cachoeirinha, Sr.Anibal de Matos Sales
CONVOCA seu cônjuge, os próprios herdeiros ou representantes legais, a
comparecerem no prazo máximo de 10 (Dez) dias a contar da publicação desde edital,
na AGEHAB, localizada na Rua Coronel Ponciano n° 1700, Bloco A, Parque dos
Jequitibás, munidos de seus documentos pessoais e dos herdeiros, para análise de sua
adequação aos requisitos exigidos para regularização do imóvel.
O não comparecimento, na forma e prazo assinalados implicará no
reconhecimento de desistência tácita ao benefício, ensejando sua substituição.
Dourados -MS 03 de Junho de 2016.
MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS, pessoa jurídica de direito público interno,
devidamente inscrito no CNPJ sob nº. 03.155.926/0001-44 com sede na Rua Coronel
Ponciano nº. 1700, nesta cidade de Dourados-MS, por interveniência da Agência
Municipal de Habitação de Interesse Social – AGEHAB, através da Diretora
Superintendente Zelinda Inês Silva Lima Fernandes, ao final firmado, pelo presente
instrumento, à vista do falecimento do beneficiário do imóvel determinado pelo Lote
03 da Quadra 10 do Loteamento Social Estrela Porã, Sr. Saturnino RamosCONVOCA
seu cônjuge, os próprios herdeiros ou representantes legais, a comparecerem no prazo
máximo de 10 (Dez) dias a contar da publicação desde edital, naAGEHAB, localizada
na Rua Coronel Ponciano n° 1700, Bloco A, Parque dos Jequitibás, munidos de seus
documentos pessoais e dos herdeiros, para análise de sua adequação aos requisitos
exigidos para regularização do imóvel.
O não comparecimento, na forma e prazo assinalados implicará no
reconhecimento de desistência tácita ao benefício, ensejando sua substituição.
Dourados -MS 02 de Junho de 2016.
MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS, pessoa jurídica de direito público interno,
devidamente inscrito no CNPJ sob nº. 03.155.926/0001-44 com sede na Rua Coronel
Ponciano nº. 1700, nesta cidade de Dourados-MS, por interveniência da Agência
Municipal de Habitação de Interesse Social – AGEHAB, através da Diretora
Superintendente Zelinda Inês Silva Lima Fernandes, ao final firmado, pelo presente
instrumento, à vista do falecimento do beneficiário do imóvel determinado pelo Lote
26 da Quadra 22 do Loteamento Social Canaã I, Sr. Vera Lucia de Oliveira Matos
CONVOCA seu cônjuge, os próprios herdeiros ou representantes legais, a
comparecerem no prazo máximo de 10 (Dez) dias a contar da publicação desde edital,
na AGEHAB, localizada na Rua Coronel Ponciano n° 1700, Bloco A, Parque dos
Jequitibás, munidos de seus documentos pessoais e dos herdeiros, para análise de sua
adequação aos requisitos exigidos para regularização do imóvel.
O não comparecimento, na forma e prazo assinalados implicará no
reconhecimento de desistência tácita ao benefício, ensejando sua substituição.
Dourados -MS 03 de Junho de 2016.
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
AVISO DE LICITAÇÃO
TOMADA DE PREÇOS N.º 009/2016
Alessandro Lemes Fagundes
Secretário Municipal de Fazenda
AVISO DE LICITAÇÃO
CONCORRÊNCIA N.º 006/2016
Alessandro Lemes Fagundes
Secretário Municipal de Fazenda
AVISO DE LICITAÇÃO
CONCORRÊNCIA N.º 007/2016
Alessandro Lemes Fagundes
Secretário Municipal de Fazenda
O Município de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, através da Secretaria
Municipal de Fazenda, torna público para conhecimento dos interessados, que
promoverá certame licitatório na modalidade TOMADADE PREÇOS – tipo “Menor
Preço” – relativo ao Processo n.º 221/2016/DL/PMD – tendo como objeto a
“CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM ENGENHARIA PARA
A EXECUÇÃO DE REFORMA DA QUADRA POLIESPORTIVA DO DISTRITO
DEVILAVARGAS-MUNICÍPIODEDOURADOS-MS”, a ser processado e julgado
nos termos da Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, da Lei Complementar n.º
123/06 e suas alterações e das normas contidas no edital. A sessão pública para o
julgamento do certame ocorrerá às 08h (oito horas), do dia 27/06/2016 (vinte e sete de
junho do ano de dois mil e dezesseis), na sala de reunião do Departamento de
Licitação, localizada no Bloco “F” do Centro Administrativo Municipal, sito na Rua
Coronel Ponciano, n.º 1.700, Parque dos Jequitibás, na cidade de Dourados-MS.
Poderão participar da presente licitação os interessados que estejam devidamente
cadastrados no Cadastro Central de Fornecedores do Município de Dourados-MS ou
que atenderem a todas as condições exigidas para cadastramento até o terceiro dia
anterior à data do recebimento das propostas. O edital encontra-se disponível para
consulta e download no sítio oficial do Município de Dourados
“http://www.dourados.ms.gov.br/index.php/categoria/licitacao”; e somente poderá
ser adquirido e retirado pelos interessados no Departamento de Licitação, mediante o
ressarcimento da taxa no valor de R$ 70,00 (setenta reais). Informações adicionais
poderão ser obtidas pelo telefone (0XX67) 3411-7755 e/ou via e-mail no endereço
eletrônico “licitacoes@dourados.ms.gov.br”.
Dourados-MS, 08 de junho de 2016.
O Município de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, através da Secretaria
Municipal de Fazenda, torna público para conhecimento dos interessados, que
promoverá certame licitatório na modalidade CONCORRÊNCIA – tipo “Menor
Preço” – relativo ao Processo n.º 174/2016/DL/PMD – tendo como objeto a
“CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM ENGENHARIA PARA
EXECUÇÃO DE CONCLUSÃO DA CONSTRUÇÃO DE CENTRO DE
EDUCAÇÃO INFANTIL – PROINFÂNCIA TIPO B – LOCAL: PARQUE DAS
NAÇÕES I/MUNICÍPIO DE DOURADOS/MS, COM RECURSOS
PROVENIENTES DA UNIÃO COM A DEVIDA CONTRAPARTIDA DO
MUNICÍPIO”, a ser processado e julgado nos termos da Lei Federal n.º 8.666/93 e
suas alterações, da Lei Complementar n.º 123/06 e suas alterações e das normas
contidas no edital.Asessão pública para o julgamento do certame ocorrerá às 08h (oito
horas), do dia 11/07/2016 (onze de julho do ano de dois mil e dezesseis), na sala de
reunião do Departamento de Licitação, localizada no Bloco “F” do Centro
Administrativo Municipal, sito na Rua Coronel Ponciano, n.º 1.700, Parque dos
Jequitibás, na cidade de Dourados-MS. Poderão participar da presente licitação todos
os interessados, pessoas jurídicas, inscritas ou não no Cadastro de Registro de
Fornecedores do Município de Dourados-MS, que preencherem as condições exigidas
no edital e que atuem no ramo pertinente e compatível com o objeto cotado no presente
certame.Oedital encontra-se disponível para consulta e “download” no sítio oficial do
MunicípiodeDourados“http://www.dourados.ms.gov.br/index.php/categoria/licitaca
o”; e somente poderá ser adquirido e retirado pelos interessados no Departamento de
Licitação, mediante o ressarcimento da taxa no valor de R$ 100,00 (cem reais).
Informações adicionais poderão ser obtidas pelo telefone (0XX67) 3411-7755 e/ou
via e-mail no endereço eletrônico “licitacoes@dourados.ms.gov.br”.
Dourados-MS, 08 de junho de 2016.
O Município de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, através da Secretaria
Municipal de Fazenda, torna público para conhecimento dos interessados, que
promoverá certame licitatório na modalidade CONCORRÊNCIA – tipo “Menor
Preço” – relativo ao Processo n.º 180/2016/DL/PMD – tendo como objeto a
“CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM ENGENHARIA PARA
EXECUÇÃO DE CONCLUSÃO DA CONSTRUÇÃO DE CENTRO DE
EDUCAÇÃO INFANTIL – PROINFÂNCIA TIPO B – LOCAL: JARDIM
VITÓRIA/MUNICÍPIO DE DOURADOS/MS, COM RECURSOS
PROVENIENTES DA UNIÃO COM A DEVIDA CONTRAPARTIDA DO
MUNICÍPIO”, a ser processado e julgado nos termos da Lei Federal n.º 8.666/93 e
suas alterações, da Lei Complementar n.º 123/06 e suas alterações e das normas
contidas no edital.Asessão pública para o julgamento do certame ocorrerá às 08h (oito
horas), do dia 12/07/2016 (doze de julho do ano de dois mil e dezesseis), na sala de
reunião do Departamento de Licitação, localizada no Bloco “F” do Centro
Administrativo Municipal, sito na Rua Coronel Ponciano, n.º 1.700, Parque dos
Jequitibás, na cidade de Dourados-MS. Poderão participar da presente licitação todos
os interessados, pessoas jurídicas, inscritas ou não no Cadastro de Registro de
Fornecedores do Município de Dourados-MS, que preencherem as condições exigidas
no edital e que atuem no ramo pertinente e compatível com o objeto cotado no presente
certame.Oedital encontra-se disponível para consulta e “download” no sítio oficial do
MunicípiodeDourados“http://www.dourados.ms.gov.br/index.php/categoria/licitaca
o”; e somente poderá ser adquirido e retirado pelos interessados no Departamento de
Licitação, mediante o ressarcimento da taxa no valor de R$ 100,00 (cem reais).
Informações adicionais poderão ser obtidas pelo telefone (0XX67) 3411-7755 e/ou
via e-mail no endereço eletrônico “licitacoes@dourados.ms.gov.br”.
Dourados-MS, 08 de junho de 2016.
LICITAÇÕES
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 04
LICITAÇÕES
AVISO DE CANCELAMENTO
PREGÃO PRESENCIAL N.º 041/2016
Alessandro Lemes Fagundes
Secretário Municipal de Fazenda
AVISO DE ADJUDICAÇÃO E HOMOLOGAÇÃO
CONVITE Nº 003/2016
Murilo Zauith
Prefeito
RESULTADO DE JULGAMENTO
CONVITE Nº 004/2016
Emerson Ricardo Kintschev
Presidente da CPL
RESULTADO DE JULGAMENTO
CONVITE Nº 042/2015
EMERSON RICARDO KINTSCHEV
Presidente da CPL
TERMO DE RATIFICAÇÃO
Sebastião Nogueira Faria
Secretário Municipal de Saúde
O Município de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, através da Secretaria
Municipal de Fazenda, torna público para todos os efeitos jurídicos e legais, o
CANCELAMENTO do certame licitatório em epígrafe, relativo ao Processo n.º
170/2016/DL/PMD, tendo como objeto a “AQUISIÇÃO DE ANIMAIS PARA
CRIATÓRIO (ALEVINO E PEIXE VIVO) E MATERIAIS E INSUMOS PARA
ANIMAIS DE CRITÓRIO (GELO E RAÇÃO), OBJETIVANDO ATENDER A 2ª
SEMANA DO PEIXE”. As motivações e fundamentações que justificam o referido
ato foram formalizadas através de Comunicação Interna-CI n.º 279/2016, emitida pela
Secretaria Municipal de Agricultura Familiar e Economia Solidaria, inserida no
respectivo processo licitatório, com vista franqueada aos interessados.
Dourados-MS, 08 de junho de 2016.
O Prefeito Municipal de Dourados, Estado de Mato Grosso do Sul, no uso das
atribuições que lhe são conferidas no inciso VI, do art. 43, da Lei Federal n° 8.666/93 e
de conformidade com o julgamento da Comissão Permanente de Licitação, bem como
a análise pela Procuradoria Geral do Município daAta da Sessão e demais documentos
que compõe o Processo n° 029/2016/DL/PMD, cujo objeto trata deCONTRATAÇÃO
DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM ENGENHARIA PARA EXECUÇÃO DE
SERVIÇOS DE REFORMA NO CRAS DE VILA VARGAS/DISTRITO DO
MUNICÍPIO DE DOURADOS/MS, resolve HOMOLOGAR o processo licitatório,
para que dele provenham seus efeitos legais eADJUDICAR o objeto licitado em favor
da proponente: CERRADO CONSTRUÇÕES LTDA-EPP, com o valor global de R$
148.918,80 (cento e quarenta e oito mil novecentos e dezoito reais e oitenta centavos).
Dourados (MS), 08 de junho de 2016.
AComissão Permanente de Licitação do Município de Dourados, Estado de Mato
Grosso do Sul, constituída e nomeada pelo do Decreto n° 2.175, de 07 de janeiro de
2016, por intermédio do Presidente, torna público o resultado final do certame
licitatório em epígrafe, relativo ao Processo n° 037/2016/DL/PMD, conforme segue.
OBJETO: AQUISIÇÃO DE ESCADAS GIRATÓRIAS PARA INSTALAÇÃO EM
CAMINHONETES QUE ATENDEM O DEPARTAMENTO DE ILUMINAÇÃO
PÚBLICA.PROPONENTEVENCEDORA: J.M.DEALMEIDAMETALURGICAEPP.
Informa ainda, que fundamentada no artigo 109, alínea “b”, da Lei Federal n°
8.666/93, a partir da publicação deste Aviso, começa a fluir o prazo recursal às
licitantes interessadas, sendo que após seu decurso, será o processo de licitação
submetido à consideração da autoridade competente, para fins de adjudicação do
objeto em favor da empresa retro mencionada e homologação do mesmo para que dele
provenham seus efeitos legais.
Dourados (MS), 08 de junho de 2016.
AComissão Permanente de Licitação do Município de Dourados, Estado de Mato
Grosso do Sul, constituída e nomeada pelo do Decreto n° 1.528, de 08 de janeiro de
2015, por intermédio do Presidente, torna público o resultado final do certame
licitatório em epígrafe, relativo ao Processo n° 388/2015/DL/PMD, conforme segue.
OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA EXECUÇÃO DE SERVIÇOS
DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DA FACHADA DO
PAVILHÃO DE EVENTOS “DOM DEODARDO LEITZ”, INCLUSO O
FORNECIMENTO DE TODOS OS MATERIAIS E EQUIPAMENTOS
NECESSÁRIOS À CONSECUÇÃO DOS SERVIÇOS. PROPONENTE
VENCEDORA: SERIGRAFIA LINCON LTDA-ME. Informa ainda, que
fundamentada no artigo 109, alínea “b”, da Lei Federal n° 8.666/93, a partir da
publicação deste Aviso, começa a fluir o prazo recursal às licitantes interessadas,
sendo que após seu decurso, será o processo de licitação submetido à consideração da
autoridade competente, para fins de adjudicação do objeto em favor da empresa retro
mencionada e homologação do mesmo para que dele provenham seus efeitos legais.
Dourados (MS), 13 de novembro de 2015.
O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE DE DOURADOS, no uso das
atribuições legais que lhes confere o artigo 48, inciso III, da Lei Complementar
Municipal n.° 138 de 02 de Janeiro de 2009,
RATIFICA, nos termos do art. 26, caput, da Lei 8.666/93, o contido no processo de
dispensa de licitação n. 052/2016 que objetiva a contratação com Augusto Mitsukuni
Suguimoto, CPF 437.691.109-78 e Ricardo Zocolaro Neto, CPF 320.529.959-00,
com fundamento no artigo 24,Xda Lei 8.666/93.
Publique-se.
Dourados-MS,em06 de junho de 2016.
DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
EXTRATOS
EXTRATO DE CONVÊNIO PMD/SEMAS Nº 235/2016- FNAS
LEDI FERLA
Secretária Municipal de Assistência Social
EXTRATO DE CONVÊNIO PMD/SEMAS Nº 251/2016-FMIS
LEDI FERLA
Secretária Municipal de Assistência Social
1. PARTES:
CONCEDENTE:PREFEITURAMUNICIPALDEDOURADOS.
C.N.PJ.: 03.155.926/0001-44
INTEVENIENTE:SECRETARIAMUNICIPALDEASSISTÊNCIASOCIAL.
Secretária: LEDI FERLA.
C.P.F.: 597.332.099-53
CONVENENTE:UNIÃOCATARINENSEDEEDUCAÇÃO.
C.N.P.J: 84.433.275/0009-66.
Responsável legal:DELCIOAFONSOBALESTRIN.
C.P.F.: 518.034.459-04.
2. OBJETO: Constitui objeto deste convênio, o repasse de recursos financeiros
para aquisição de materiais de consumo, conforme plano de trabalho.
3.VALOR: R$ 36.000,00 (Trinta e seis mil reais).
4.DOTAÇÃOORÇAMENTÁRIA:
11.00 – Secretaria Municipal deAssistência Social.
11.02 – Fundo Municipal deAssistência Social.
08.244.500 – Programa de Gestão dos Serviços Socioassistenciais de Prev.
2.169 – Proteção Social Básica.
33.50.43.01 – Subvenções Sociais – Ficha: 1783 – Fonte: 129000
44.50.42.01 ¬–Auxílios – Ficha:1792– Fonte: 129000
5.EMPENHONº: 181 de 13/04/2016.
6.VIGÊNCIA: 13/04/2016 a 28/02/2017
Dourados/MS, 06 de maio de 2016
1. PARTES:
CONCEDENTE:PREFEITURAMUNICIPALDEDOURADOS
C.N.PJ.: 03.155.926/0001-44
INTEVENIENTE:SECRETARIAMUNICIPALDEASSISTÊNCIASOCIAL
Secretária: LEDIFERLA
C.P.F.: 597.332.099-53
CONVENENTE:UNIÃOCATARINENSEDEEDUCAÇÃO.
C.N.P.J: 84.433.275/0009-66.
Responsável legal:DÉLCIOAFONSOBALESTRIN.
C.P.F.: 518.034.459-04.
2. OBJETO: Constitui objeto deste convênio, o repasse de recursos financeiros
para aquisições de materiais de consumo, serviços de terceiros e materiais
permanentes conforme plano de trabalho.
3.VALOR: R$ 64.800,00 (Sessenta e quatro mil e oitocentos reais).
4.DOTAÇÃOORÇAMENTÁRIA:
11.00 – Secretaria Municipal deAssistência Social.
11.05 – Fundo Municipal de Investimento Social.
08.244.500 – Programa de Gestão dos Serviços Socioassistenciais de Prev.
2.059 – Implementação do Programa de Investimentos Sociais.
33.50.43.01- Subvenções Sociais – Ficha: 642 – Fonte:181503
44.50.42.01 –Auxílios – Ficha: 652 – Fonte: 181503
5.EMPENHONº: 45 e 46 de 13/04/2016.
6.VIGÊNCIA: 13/04/2016 à 28/02/2017
Dourados/MS, 07 de maio de 2016.
05
EXTRATOS
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
Início Final Início Final
000114762980001 AMELIA MARTINS PIRES 627/2016 15 02/06/2016 16/06/2016
000000132251001 ELZA COSMA MARTINS DOS SANTOS 628/2016 15 23/05/2016 06/06/2016
000000501060005 GENIVALDO BELARMINO DA SILVA 629/2016 22 21/05/2016 11/06/2016
000114761926001 JOSEFA SILEIDE DA SILVA SANTOS 630/2016 90 02/06/2016 30/08/2016
000000079661002 SILVINA DA SILVA NACIMENTO 631/2016 75 07/06/2016 20/08/2016
000000001991001 VANILDA FERREIRA SIQUEIRA 632/2016 15 31/05/2016 14/06/2016
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 25 DE MAIO DE 2016.
Matrícula Dias
Antônio MarcosMarques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
Prorrogação
Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Início Final Início Final
000000032401001 AUDELI DAUZAKER KLEIN 633/2016 30 25/05/2016 23/06/2016
000000501776001 AURENICE SALOMONE DA MATTA 634/2016 15 08/06/2016 22/06/2016
000114764289003 ELIONAI SCHIAVI MORENO SARTARELO 635/2016 22 08/06/2016 29/06/2016
000000290052002 EUNICE IZIDORO DE SOUZA 636/2016 21 11/07/2016 31/07/2016
000114764171001 KLEBER JULIANO DE ALMEIDA 637/2016 20 31/05/2016 19/06/2016
000000081371001 LENIZE SOUZA DE OLIVEIRA 638/2016 03 23/05/2016 25/05/2016
000114763119001 MARCIA DA SILVA 639/2016 45 08/06/2016 22/07/2016
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Dias
Prorrogação
Antônio Marcos Marques Gleicir Mendes Carvalho
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 30 DE MAIO DE 2016.
Início Final Início Final
000000066101001 ADRIANO ANDERSON DE ANGELO 640/2016 45 27/05/2016 10/07/2016
000114762361001 ANDERCI DA SILVA 641/2016 20 26/05/2016 14/06/2016
000114767915001 CARLOS RAMAO DA SILVA 642/2016 60 27/05/2016 25/07/2016
000000080001001 JONAS ROBERTO MARQUES 643/2016 15 05/06/2016 19/06/2016
000000081371001 LENIZE SOUZA DE OLIVEIRA 644/2016 12 30/05/2016 10/06/2016
000114763419001 PATRICIA ROSSATO STEFANELO 645/2016 06 08/06/2016 13/06/2016
000000090228006 ROSILDA MOURA DE CARVALHO 646/2016 15 03/06/2016 17/06/2016
000000501617003 RUTE MENINO TORRES DA SILVA 647/2016 15 04/06/2016 18/06/2016
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 31 DE MAIO DE 2016.
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Dias
Prorrogação
Antônio Marcos Marques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
Início Final Início Final
000000024471001 ALIETE JOANA DA CUNHA SOUZA 648/2016 15 09/06/2016 23/06/2016
000114764245001 CICERA JOSEFA SOARES DOS SANTOS 649/2016 30 17/05/2016 15/06/2016
000114763694002 CLEUZA DA ROCHA ALMEIDA 650/2016 41 30/05/2016 09/07/2016
000000043811001 CRISLAINE DA SILVA DE ANDRADE 651/2016 15 14/06/2016 28/06/2016
000000089651001 MARIA SUELY DA SILVA OLIVEIRA 652/2016 30 30/05/2016 28/06/2016
000114762542002 MARIZA AIDA SILVA DELGADO 653/2016 75 09/06/2016 22/08/2016
000114760404001 NEIDE CAETANO DA SILVA 654/2016 48 23/05/2016 09/07/2016
Antônio MarcosMarques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 01 DE JUNHO DE 2016.
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Dias
Prorrogação
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
Início Final Início Final
000000085831001 ADRIANA MEDEIROS DE OLIVEIRA 655/2016 45 14/06/2016 28/07/2016
000114762309001 ALIADNE NALIN 656/2016 10 28/05/2016 06/06/2016
000000089621001 GEOVANIA LEMES FONSECA 657/2016 02 02/06/2016 03/06/2016
000000006411001 JANE CAMARGO BANDEIRA COLLETTI 658/2016 40 01/06/2016 10/07/2016
000114761841002 LUCIANA MAURA DE ALENCAR 659/2016 05 30/05/2016 03/06/2016
000000088241001 ROSANGELA SANTANA CARVALHO 660/2016 90 31/05/2016 28/08/2016
000000083211001 TANIA MARIA DE OLIVEIRA VICENTE 661/2016 22 27/05/2016 17/06/2016
000000501862002 VILCIANE NUNES RODRIGUES 662/2016 47 24/05/2016 09/07/2016
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 02 DE JUNHO DE 2016.
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Dias
Prorrogação
Antônio Marcos Marques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
06
EXTRATOS
EDITAL 001/2016/FUNSAUD DE 08 DE JUNHO DE 2016
Processo Seletivo Simplificado para Formação de Cadastro de Reserva Para
ContrataçãoTemporária
FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA E CONTRATAÇÃO DE
PROFISSIONAIS DE NÍVEL SUPERIOR, TÉCNICO E MÉDIO PARA
ATUAREMNASUNIDADESDAFUNSAUD
A FUNDAÇÃO DE SERVIÇOS DE SAÚDE DOURADOS (FUNSAUD), por
meio de seu Diretor Presidente, torna pública a abertura de inscrições para a realização
de PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA FORMAÇÃO DE
CADASTRO DE RESERVA PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA (PSCR),
visando à seleção de candidatos ao preenchimento de vagas temporárias constantes do
Anexo I deste Edital, para funcionamento da Fundação de Serviço s de Saúde de
Dourados dos serviços e das unidades por ela administrados, disciplinada pela Lei
Complementar nº. 245, de 03.04.14, publicada no Diário Oficial do Município nº.
3703, de 08.04.2014, e, criada pelo Decreto n. 1021 de 14/04/2014 publicado no
Diário Oficial n. 3710 de 22/04/2014, obedecida a ordem classificatória durante o
prazo de validade previsto neste Edital, e de acordo com as normas e condições
seguintes:
1.DASDISPOSIÇÕESPRELIMINARES
1.1.O Processo Seletivo para Formação de Cadastro de Reserva –
PSCR/FUNSAUD/2016 será regulado pelas normas contidas no presente edital.
1.2Opresente edital tem por objetivo regulamentar o processo de cadastramento e
de seleção de interessados em compor o quadro de reserva de empregados temporários
para desempenharem a função nas unidades da FUNSAUD, em Dourados – MS, em
vagas que surgirem durante a vigência do Edital, cuja finalidade precípua é suprir a
necessidade temporária de excepcional interesse público, decorrente da carência de
pessoal.
1.3.O presente Processo Seletivo para Formação de Cadastro de Reserva –
PSCR/FUNSAUD/2016 destina-se a selecionar candidatos para contratação
temporária de profissionais em atendimento as necessidades de recursos humanos da
FUNSAUD, sendo que as funções, requisitos, atribuições, a estimativa de vagas,
jornada de trabalho e a remuneração constam noAnexo I deste Edital.
1.4.Os horários mencionados no presente edital e nos demais editais, a serem
publicados, obedecerão ao horário oficial de Mato Grosso do Sul.
1.5.O processo seletivo obedecerá ao cronograma constante do Anexo II deste
Edital.
1.6.A seleção dos candidatos será realizada mediante Prova de Títulos, de caráter
classificatório e eliminatório.
1.7.É de inteira responsabilidade do candidato, acompanhar todas as publicações,
referentes ao Processo Seletivo para Formação de Cadastro de Reserva –
PSCR/FUNSAUD/2016, no Diário Oficial do Município.
2.DOSREQUISITOS
2.1. São Requisitos para participar do PSCR/FUNSAUD/2016:
a) Ser brasileiro nato ou naturalizado;
b) Não possuir antecedentes criminais e estaremgozo dos direitos políticos e civis;
c) Estar quite com as obrigações militares (sexo masculino);
d)Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos completos;
e) Comprovar a escolaridade e os requisitos específicos exigidos para a vaga;
f) Não acumular cargo ou emprego público das esferas federal estadual ou
municipal salvo acumulação admitida na Constituição Federal desde que haja
compatibilidade de horários;
g) Não ter sido demitido ou exonerado do serviço público em consequência de
processo administrativo (por justa causa ou a bem do serviço público);
h) Os candidatos que não preencherem os requisitos serão automaticamente
eliminados;
i) Os contratos terão natureza administrativa e serão firmados, com observância da
ordem classificatória, durante o prazo de validade previsto neste Edital, e na medida
das necessidades daFUNSAUD;
j) Gozar de boa saúde, a ser comprovada por meio de laudo entregue pelo candidato
no ato da contratação;
k) Ter escolaridade e habilitação de acordo com os requisitos exigidos para a
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
Início Final Início Final
000114762595002 ANDRESSI GOMES DE ALENCAR RAMOS 663/2016 30 30/05/2016 28/06/2016
000114760158001 GIZELE APARECIDA DA SILVA MOURA 664/2016 30 06/06/2016 05/07/2016
000000075821003 MARIA DAS DORES DE LIMA SOUZA 665/2016 90 29/05/2016 26/08/2016
000000088201001 MARIA JUDITH MONTEIRO DA SILVA 666/2016 30 02/06/2016 01/07/2016
000114764041001 NIUZA SOARES RIBEIRO CORNACHINI 667/2016 38 02/06/2016 09/07/2016
Antônio Marcos Marques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 03 DE JUNHO DE 2016.
Dias
Prorrogação
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Início Final Início Final
000114760195001 GLORIA DE LAZARI MENDES 668/2016 04 14/06/2016 17/06/2016
000000061131001 MARCIO JOSE CUNHA DE OLIVEIRA 669/2016 120 30/05/2016 26/09/2016
000114766527001 MARIA DA CONCEICAO SILVA 670/2016 45 16/06/2016 30/07/2016
000114762241004 SIMONE DE ALENCASTRO MENDES 671/2016 30 03/06/2016 02/07/2016
000114764283001 SUELENE MARIA DE MENEZES BANHETI MORAIS 672/2016 15 16/06/2016 30/06/2016
Antônio Marcos Marques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 06 DE JUNHO DE 2016.
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Dias
Prorrogação
Início Final Início Final
000000080321001 ANGELA MEIRICE MENDONCA CORADINI 673/2016 12 28/06/2016 09/07/2016
000000080321003 ANGELA MEIRICE MENDONCA CORADINI 674/2016 12 28/06/2016 09/07/2016
000000040211001 EVERMONDA OLIVEIRA DOS SANTOS 675/2016 39 01/06/2016 09/07/2016
000000040211002 EVERMONDA OLIVEIRA DOS SANTOS 676/2016 39 01/06/2016 09/07/2016
000000048111001 JOAO TAYLOR LEITE ARANDA 677/2016 30 16/06/2016 15/07/2016
000114760407001 MARIA APARECIDA DA SILVA II 678/2016 15 15/06/2016 29/06/2016
000000068481001 MARIA APARECIDA TELES 679/2016 15 14/06/2016 28/06/2016
000000290041002 MARIA AUGUSTHA ESPINDOLA DOMINGUES DE O.FIG 680/2016 24 15/06/2016 08/07/2016
000114760581001 MARLI CORREIA DA SILVA 681/2016 30 10/06/2016 09/07/2016
000000074381001 RENATA CONSUELO VIEIRA KOVACS 682/2016 30 03/06/2016 02/07/2016
000114761410002 SANDRA MARCIA PALMA MATTOS E SOUZA 683/2016 60 03/06/2016 01/08/2016
000114761410003 SANDRA MARCIA PALMA MATTOS E SOUZA 684/2016 60 03/06/2016 01/08/2016
000000034431001 TERESINHA DE FATIMA FERREIRA 685/2016 60 03/06/2016 01/08/2016
000000084581001 WILSON FRANCO DAUZAKER 686/2016 90 09/06/2016 06/09/2016
Antônio Marcos Marques Gleicir Mendes Carvalho
Diretor Presidente Diretora de Benefícios
EXTRATO DE PORTARIAS DE CONCESSÃO DE AUXÍLIO DOENÇA
O Diretor Presidente do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Dourados – PREVID, no uso de suas atribuições legais, conferidas pelo Art. 35 DA LEI MUNICIPAL Nº 108/ 2006,
CONCEDE AUXÍLIO DOENÇA E PRORROGAÇÃO DE AUXÍLIO DOENÇA aos servidores efetivos e períodos abaixo relacionados, que passaram pela perícia médica no dia 07 DE JUNHO DE 2016.
Matrícula Nome do servidor Portaria Dias
Licença Inicial
Dias
Prorrogação
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
07
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
função;
l) Não serão cobradas taxas de inscrição para nenhum dos cargos mencionados
neste edital;
m) Não serão aceitas inscrições fora dos prazos estabelecidos no item 3.1;
n) O candidato que prestar declaração falsa e/ou inexata terá sua inscrição
cancelada e emconsequência, anulada todos os atos ainda que aprovado, mesmo que o
fato for constatado posteriormente.
3.DASINSCRIÇÕES
3.1. As inscrições serão inteiramente gratuitas e realizadas exclusivamente pela
internet na página oficial da Prefeitura Municipal de Dourados no site eletrônico
www.dourados.ms.gov.br ou no link http://selecao.dourados.ms.gov.br a partir das
08h00min do dia 13/06/2016 até as 19h00min do dia 22/06/2016.
3.2. Após a inscrição do candidato, não serão aceitos pedidos para quaisquer
alterações.
3.3. Será permitida somente 01 (uma) inscrição por candidato para concorrer a uma
vaga/função, caso isto não aconteça, o candidato será eliminado do processo seletivo,
não cabendo recurso desta decisão.
3.4 São vedadas a contratação de servidores das Administrações Direta e Indireta,
da União, dos Estados e dos
Municípios, exceto as acumulações permitidas pela constituição da República
Federativa do Brasil de 1988.
3.5. A inscrição implica ao candidato o conhecimento e a tácita aceitação das
condições estabelecidas neste Edital e demais instrumentos normativos do
PSCR/FUNSAUD/2016, sobre os quais o candidato não poderá alegar
desconhecimento.
3.6. O candidato deverá certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos
para exercer a função a que concorre.
3.7. Será preenchida a Ficha de Inscrição online, sendo que as informações
prestadas no ato da Inscrição serão de inteira responsabilidade do candidato ficando
reservado à Comissão Especial de Seleção do PSCR/FUNSAUD/2016 o direito de
eliminar aquele que preenchê-la de forma incorreta ou fornecer dados
comprovadamente inverídicos ou em desacordo com a documentação exigida no item
5.1.2 sem prejuízo das sanções administrativas civis e penais aplicáveis.
3.8. A efetivação da inscrição do candidato somente ocorrerá após o
preenchimento de todos os campos obrigatórios, confirmação da inscrição e liberação
do protocolo de inscrição, o qual deverá permaneceremposse do candidato.
4.DOSCANDIDATOSPORTADORESDENECESSIDADESESPECIAIS
4.1. Os candidatos portadores de necessidades especiais (PNE), que pretendam
fazer uso das prerrogativas que lhes são facultadas pelo inciso VIII, do art. 37, da
Constituição Federal e pela Lei nº 7.853/89é assegurado o direito de inscrição para
funções do processo seletivo de cadastro de reserva cujas atribuições sejam
compatíveis com a deficiência de que são portadores.
4.2. Em cumprimento ao Decreto Federal nº. 3.298, de 20 de dezembro de 1990, e
observado o limite máximo previsto no § 2º do art. 5º da Lei 8.112, de 11 de dezembro
de 1990, ser-lhes-ás reservado o percentual mínimo de 5% (cinco por cento) das vagas
ofertadas. Consideram-se pessoas PNE aquelas que se enquadram nas categorias
discriminadas no art. 4º do Decreto Federal Nº 3.298/99.
4.3. Para as vagas que surgirem ou forem criadas no prazo de validade deste
processo seletivo de cadastro de reserva, será observa do o mesmo critério definido no
item 7.2, observado inclusive o número de candidatos já nomeados.
4.4. Consideram-se pessoas portadoras de necessidade especial àquelas que se
enquadram nas categorias discriminadas no art.
4º, do Decreto Federal nº 3.298/99 e suas alterações.
4.5. Os candidatos portadores de necessidade especial, resguardadas as condições
especiais previstas no Decreto Federal nº
3.298/1999, particularmente em seu art. 40, participarão deste processo seletivo de
cadastro de reserva em igualdade de condições com os demais candidatos, no que se
refere à avaliação de currículo, e aos demais critérios de aprovação.
4.6 Se na aplicação do percentual resultar número fracionado igual ou superior a
0,5 (cinco décimos), estará formada 01(uma) vaga para o PNE. Se inferior a 0,5 (cinco
décimos) a formação da vaga ficará condicionada à elevação da fração para o mínimo
de 0,5 (cinco décimos), caso haja aumento do número de vagas para o cargo ou função.
4.7. As vagas oferecidas aos portadores de necessidades especiais não
preenchidas serão destinadas aos candidatos não portadores de necessidades
especiais, obedecendo-se à ordem de classificação.
4.8. Quando da admissão, o candidato deverá apresentar o laudo médico, atestando
a espécie, o grau ou nível da deficiência, com expressa referência ao código
correspondente da Classificação Internacional de Doença-CID, bem como a
provável causada deficiência.
4.9. Os candidatos portadores de necessidades especiais que forem aprovados
participarão da relação geral de candidatos, para publicação dos resultados e
respectiva classificação, além de figurarem, tão somente para efeito de conhecimento,
emrelação à parte com sua classificação.
4.10 Os candidatos que não atenderem aos dispositivos mencionados no presente
Edital serão considerados como não PNE e não terão prova especial preparada, sejam
quais forem os motivos alegados.
4.11. Ocandidato inscrito como portador de necessidade especial deve cumprir os
demais requisitos exigidos para participação no presente processo seletiva, devendo
ainda, especificar sua situação/condição no ato da Inscrição.
4.11.1. – Deverá ser entregue junto com os demais documentos exigidos para a
prova de títulos, o laudo médico, atestando a espécie, o grau ou nível da deficiência,
com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de
Doença -CID, bem como a provável causa da deficiência.
4.12 Ao ser convocado para formalização do contrato por tempo determinado, o
candidato deverá se submeter a exame médico oficial ou credenciado pela Prefeitura,
que terá decisão terminativa sobre a qualificação do candidato como deficiente ou não,
e o grau de deficiência capacitante para o exercício do cargo. Será eliminado da lista de
PNE o candidato cuja deficiência assinalada na Ficha de Inscrição não se constate,
devendo o mesmo constar apenas na lista de classificação geral.
4.13 Após o contrato do candidato portador de necessidades especiais, esta não
poderá ser arguida para justificar a concessão de readaptação do cargo e de
aposentadoria por invalidez.
4.14 Não havendo candidatos aprovados para as vagas reservadas a PNE, estas
serão preenchidas pelos demais que prestaram o presente processo seletivo, com
estrita observância da ordem classificatória.
5.DASELEÇÃO
5.1. A seleção dos candidatos será realizada mediante PROVA DE TÍTULOS, de
caráter classificatório e eliminatório, mediante o seguinte procedimento:
5.1.1 Entrega de títulos: será realizada exclusivamente no Departamento Pessoal
da FUNSAUD sito à Rua Toshinobu Katayama, 949,Vila Planalto (Hospital daVida),
no horário das 07h30min às 10h30min e 13h30min às 16h00min dos dias 20/06 à
24/06, conforme fixado no anexo II deste edital.
5.1.2. Entrega em um só ato, das cópias que serão autenticadas no ato da entrega
mediante a apresentação do original, dos seguintes documentos:
a) Protocolo de inscrição emitido pelo site do Processo Seletivo Simplificado
Público;
b) Documento de identificação com foto expedido por órgão público ou identidade
de classe profissional;
c) Cartão ou Comprovante de Inscrição de Cadastro de Pessoa Física –
CPF/CIC (comprovante di s p o n í v e l no e n d e r e ç o e l e t r ô n i c o :
(http://www.receita.fazenda.gov.br/Aplicacoes/ATCTA/CPF/ImpressaoComprovant
e/ConsultaImpressao.asp);
d) Documento de comprovação da escolaridade (diploma; certificado/declaração
de conclusão) exigida para a função a que concorre. Para o nível médio, será
necessário a apresentação da comprovação de escolaridade de nível médio e nível
técnico.
e) Documento de comprovação dos cursos de capacitação realizados;
f) A comprovação das atividades de experiência poderá ser efetivada mediante
apresentação de cópias das anotações na Carteira de Trabalho e Previdência Social –
CTPS ou Declaração do Setor de Recursos Humanos ou declaração do Chefe
Imediato, todosempapel timbrado;
g) Para portadores de deficiência, Laudo médico conforme item 4.10.1 deste edital.
5.1.3.Toda a documentação deverá ser acondicionada em envelope pardo, que será
conferido e lacrado na presença do candidato, pelo funcionário que o receber.
5.1.4. O candidato receberá documento comprobatório do número de documentos
entregues, com a assinatura do candidato ou e da pessoa designada para o recebimento
dos títulos.
5.1.5.Após o recebimento do envelope, nenhum documento poderá ser adicionado
ou substituído.
5.1.6. Caso o candidato não efetue a entrega da documentação exigida na forma do
item 5.1.2 ou fora do prazo determinado no item
5.1.1 ensejará no indeferimento da inscrição.
5.2. Os títulos serão pontuados conforme valores abaixo e, os candidatos serão
classificados mediante a somatória dos Títulos apresentados.
5.3. A Nota da Prova de Títulos (NPT) será aferida com base nos critérios e
pontuação explicitados nos quadros abaixo:
Unitária
(pontos)
Máxima
(pontos)
Formação Profissional:
a) Diploma, Certificado ou Declaração original de conclusão de Curso
de Pós-graduação em nível de Especialização – lato sensu, com carga
horária mínima de 360 (trezentos e sessenta) horas.
b) Diploma, Certificado ou Declaração original de conclusão de Curso
de Pós-graduação em nível de Mestrado.
07 07
c) Diploma, Certificado ou Declaração original de conclusão de Curso
de Pós-graduação em nível de Doutorado.
13 13
Total de Pontos de Formação Profissional
Cursos de Capacitação Profissional (área específica) serão
considerados:
a)Cursos de Capacitação Profissional relacionados à Função a que
concorre a uma vaga que somem carga horária até o limite de 100
horas. Não poderão ser apresentados cursos com carga horária inferior
a 20 horas. Serão considerados apenas os cursos realizados após
conclusão do curso de nível superior e que sejam datados entre o ano
2004 até a data de duplicação deste edital.
Total de Pontos de Cursos de Capacitação
Tempo de Serviço na Função a que concorre a uma vaga:
a) Declaração, Atestado ou Carteira Profissional (folha de rosto e da (s)
folha (s) de anotação do registro empregatício, ou estágio
extracurricular remunerado), que comprovem tempo de serviço prestado
na Função a que concorre a vaga, em que conste o período de início e
término da atuação.
1,5 por mês
ininterrupto até
o limite de 30
meses
45
Total de Pontos de Tempo de Serviço
100
05 05
AVALIAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS:
A) FUNÇÕES DE NÍVEL SUPERIOR
Pontuação
25
30
45
Total Geral
Itens Títulos
1
2
02 pontos (a
cada 20 horas)
3
30
08
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
5.4. Não serão aceitos documentos que não consignem, de forma expressa e
precisa, as informações necessárias à sua avaliação, assim como aqueles cujas cópias
estiverem ilegíveis, mesmo que parcialmente.
5.5. As cópias dos títulos, apresentados não poderão ser devolvidas, e não será
permitido substituir títulos aos já entregues.
5.6. O resultado do total dos pontos obtidos na análise dos currículos será
publicado através de Edital específico.
5.7.ANota Final do candidato será a nota da Prova de Títulos obtida pela soma dos
pontos obtidos conforme a documentação apresentada e a pontuação atribuída
conforme a tabela do item 5.3”.
5.8. Será considerado reprovado e consequentemente eliminado do processo
seletivo de cadastro de reserva o candidato que obtiver a nota final na prova de títulos
igual a zero.
5.9. A comprovação das atividades de experiência poderá ser efetivada mediante
apresentação de cópia autenticada da Declaração, Atestado ou Carteira Profissional
(folha de rosto e da(s) folha(s) de anotação do registro empregatício ou estágio
extracurricular remunerado), que comprovem tempo de serviço prestado na Área a
que concorre à vaga,emque conste o período de início e término da atuação.
5.10. Não receberá pontuação prevista no quadro de títulos o candidato que
apresentar certificado que não comprove que o curso foi realizado de acordo com as
normas doMEC.
6.DOSRECURSOS
6.1. Será admitido recurso quanto:
a) ao indeferimento de inscrição;
b) ao resultado da avaliação dos títulos.
c) da publicação com erro ou omissão.
6.2. Os recursos deverão ser entregues nos dias 01 a 04/07/16 conforme fixado no
anexo II deste Edital.
6.3. O recurso deverá ser digitado e dirigido a Comissão Especial do Processo
Seletivo de Cadastro de Reserva da Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e
entregue no Departamento Pessoal da FUNSAUD sito à Rua Toshinobu Katayama,
949 vila Planalto (Hospital da Vida), na cidade de Dourados/MS, no horário de
07h30min às 10h30min e das 13h30min as 16h00min horas, devidamente
fundamentado, no prazo consignado no item “6.2”.
6.4. Não será objeto de análise no Recurso, documento “novo”, ou seja, aquele que
não foi juntado à época da inscrição e apresentação dos títulos, devendo os
documentos anexados ao recurso servirem para esclarecer a Interposição do mesmo.
6.5.Orecurso deverá obedecer aos seguintes requisitos:
a) Dirigido a Comissão Especial do PSCR/FUNSAUD/2016, digitado em duas
vias, e assinado;
b) Estar fundamentado e com argumentos lógicos e consistentes;
6.6. Os recursos que não preencherem os requisitos dispostos nos subitens acima
serão sumariamente indeferidos.
6.7.As decisões dos recursos serão dadas a conhecer, coletivamente.
7.DACLASSIFICAÇÃO FINAL
7.1.Aclassificação dos candidatos será realizada pela ordem decrescente da Nota
Final.
7.2. Ocorrendo igualdade na nota final, o desempate beneficiará, sucessivamente,
o candidato que:
a) tiver idade superior a sessenta anos, até o último dia de inscrição no
PSCR/FUNSAUD/2016, conforme artigo 27, parágrafo único, do Estatuto do Idoso;
b) obtiver maior pontuaçãoemTempo de Serviço;
c) obtiver maior pontuaçãoemFormação Profissional;
d) obtiver maior pontuaçãoemCursos de Capacitação Profissional;
e) tiver mais idade;
7.3. O resultado do processo seletivo será homologado pelo Diretor Presidente da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e publicado no Diário Oficial do
Município de Dourados(www.dourados.ms.gov.br).
8.DACONTRATAÇÃO
8.1. Os candidatos aprovados neste processo seletivo serão convocados para
contratação por meio de ato publicado em Diário Oficial do Município, na medida das
necessidades da Administração, obedecendo-se, em qualquer caso, rigorosamente, à
ordem de classificação e o prazo de validade do processo seletivo simplificado
constante deste Edital.
8.2.Aaprovação no certame não gera para o candidato o direito de ser contratado.
8.3. O candidato convocado se apresentará junto à sede da Fundação de Serviços
de Saúde de Dourados, munido de toda a documentação exigida para o ato, conforme o
item 8.5,emdata e horário a ser publicado no Diário Oficial do Município.
8.4.Onão comparecimento do candidato nos termos convocados será considerado
como desistência, independente de notificação, ocasionando a convocação do
próximo candidato classificado.
8.5. O candidato selecionado e convocado para a contratação deverá apresentar
além dos documentos exigidos na inscrição, os originais e cópia dos seguintes
documentos:
a)RG(Registro Geral de Identificação);
b) CPF;
c) Comprovante de inscrição e situação cadastral do CPF, expedido pela Receita
Federal;
d) Documento que comprove a escolaridade exigida para o cargo e documento da
habilitação profissional para a função;
e)Título de eleitor e comprovante de quitação eleitoral;
f) Comprovante de inscrição do PIS/PASEPou cópia do Cartão do Cidadão;
g) Comprovante de residência atual que contenha o CEP(luz ou telefone),no nome
do candidato ou comprovante de residência acompanhado de declaração assinada pelo
titular do comprovante apresentado;
h) Certidão Nascimento ou Casamento;
i) Certidão de nascimento dos filhos, acompanhada da carteira de vacinação
(menores de cinco anos)ou atestado de escolaridade (se estiveremidade escolar);
j) Certificado Militar, para os homens;
k) 01 (uma) foto 3X4 recente;
l) Atestado de saúde ocupacional fornecido por profissional médico que
especifique aptidão física para o cargo que concorre;
m) Cópia do cartão de vacinação;
n) Carteira de Trabalho e Previdência Social (página da foto e verso constando a
qualificação civil);
o) Certidão Negativa Cível e Criminal da Justiça Estadual e Federal (disponíveis
nos links: www.tjms.jus.br (Estadual Civil e Criminal) e www.jfms.jus.br (Federal
Civil e Criminal)).
p) Declaração, sob as penas da lei, de que não detém cargo ou função pública ou
privada que cause incompatibilidade com a função que passará a exercer (Art. 37,
incisos XVI e XVII, da Constituição Federal, de 1988).
8.5.1. Os candidatos que não possuírem o Cartão do PIS/PASEP preencherão uma
Declaração no ato da apresentação dos documentos.
8.5.2. Todos os documentos deverão ser apresentados em 02(duas) via e serão
conferidos, mediante a apresentação dos originais.
8.6. Os candidatos selecionados serão contratados por tempo determinado
conforme a necessidade daFUNSAUDsob regime de trabalho obedecendo àCLT, nos
termos do Art.37, inciso IX da Constituição Federal; Art. 30 da Lei Complementar n.
245 de 03/03/2014;Art.91 da Lei Orgânica de Dourados/MS.
8.8. Para efeitos de contratação, o candidato classificado deverá apresentar uma
declaração de saúde ocupacional fornecido por profissional médico que especifique
aptidão física para o cargo que concorre;
8.9.Aos candidatos portadores de Necessidades Especiais, deverá ser entregue, no
ato da contratação, o laudo médico, atestando a espécie, o grau ou nível da deficiência,
com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de
Doença -CID, bem como a provável causa da deficiência com a finalidade de
comprovação e avaliação.
8.10. A convocação e/ou admissões serão revogadas mediante a constatação das
seguintes situações:
a) ocupação da vaga por candidato aprovadoemconcurso público;
b) retorno do empregado afastado (substituído);
c) remoção de empregado efetivo para a unidade onde houver vaga pura;
d) Demais situações previstas naCLT.
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
Unitária
(pontos)
Máxima
(pontos)
Formação Profissional:
a) Curso de pós-graduação em nível técnico.
b) Diploma, Certificado ou Declaração original de conclusão de Curso
de Graduação.
03 03
c) Diploma, Certificado ou Declaração original de conclusão de Curso
de Pós-graduação em nível de Especialização – lato sensu, com carga
horária mínima de 360 (trezentos e sessenta) horas.
04 04
Total Formação Profissional
Cursos de Capacitação Profissional (área específica) serão
considerados:
a) Cursos de Capacitação Profissional relacionados à Função a que
concorre a uma vaga que somem carga horária até o limite de 100
horas. Não poderão ser apresentados cursos com carga horária inferior
a 20 horas. Serão considerados apenas os cursos realizados após
conclusão do curso de nível médio e que sejam datados entre o ano
2004 até a data de duplicação deste edital.
06 (02 pontos
a cada 20
horas)
30
Total de Pontos de Cursos de Capacitação
Tempo de Serviço na Função a que concorre a uma vaga:
a) Declaração, Atestado ou Carteira Profissional (folha de rosto e da (s)
folha (s) de anotação do registro empregatício ou estágio
extracurricular remunerado), que comprovem tempo de serviço
prestado na Área a que concorre à vaga, em que conste o período de
início e término da atuação.
02 pontos por
mês
ininterrupto até
o limite de 30
meses
60
Total de Pontos de Tempo de Serviço
100
Unitária
(pontos)
Máxima
(pontos)
Formação Profissional:
Diploma, Certificado ou Declaração de conclusão de curso de nível
médio.
Total Formação Profissional
Cursos de Capacitação Profissional (área específica) serão
considerados:
Cursos de capacitação relacionada a Função a que concorre com
carga horária maior ou igual à 20 horas. Serão considerados apenas os
cursos realizados após a conclusão do nível fundamental e que sejam
datados do ano de 2004 até a data de publicação deste edital.
Total de Pontos de Cursos de Capacitação
Tempo de Serviço na Função a que concorre a uma vaga:
Declaração, Atestado ou Carteira Profissional (folha de rosto e da(s)
folha(s) de anotação do registro empregatício ou estágio extracurricular
remunerado), que comprovem tempo de serviço prestado na Área a que
concorre a vaga, em que conste o período de início e término da
atuação
Total de Pontos de Tempo de Serviço
Total Geral 100
02 pontos por
mês
ininterrupto até
o limite de 30
meses)
60
30
60
B) FUNÇÕES DE NÍVEL MÉDIO
03 03
Itens Títulos
2
3
C) FUNÇÕES DENÍVEL FUNDAMENTAL:
Itens TÍTULOS
1
2
Pontuação
10
30
PONTUAÇÃO
60
Total Geral
3
10
06 (a cada 20
horas
30
10 10
09
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
9.DOPRAZODEVALIDADE
9.1. O processo seletivo terá validade pelo período de 02 (dois) ano a contar da
homologação pelo Diretor Presidente da Fundação de Serviços de Saúde de Dourados
e publicado na Internet, no Diário Oficial do Município de Dourados –
www.dourados.ms.gov.br, nos termos legais.
10.DASDISPOSIÇÕES GERAIS
10.1. O PSCR/FUNSAUD/2016, objeto deste Edital, será executado e estará sob a
responsabilidade da Fundação de Serviços de Saúde de Dourados.
10.2 Tratando-se de processo seletivo para a contratação temporária, a aprovação
no mesmo gera ao candidato apenas expectativa de direito de ser contratado
temporariamente. Em qualquer caso, uma vez autorizada à contratação, o candidato
será convocado de acordo coma sua classificação, conforme as necessidades da
Administração.
10.3 O candidato será responsável pela exatidão das informações e dados
prestados, sendo que a constatação de irregularidades ou falsidades nessas
informações implicará a eliminação automática do candidato e, se verificado após a
formalização do contrato, o candidato será demitido por justa causa.
10.4Ocandidato será o único responsável pela tomada de conhecimento das datas,
locais, horários e procedimentos pertinentes às várias etapas do
PSCR/FUNSAUD/2016, bem como, pelo acompanhamento no Diário Oficial do
Município de Dourados-MS.
10.5 Os casos omissos e eventuais dúvidas que surgirem na interpretação deste
Edital serão apreciados e resolvidos pela Comissão Especial de Seleção do
PSCR/FUNSAUD/2016.
10.6 Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório ou
declaração com a classificação ou participação do referido processo seletivo, valendo
para esse fim, a homologação publicada no Diário Oficial do Município de Dourados.
10.7 O candidato não poderá alegar o desconhecimento do presente Edital ou de
qualquer outra norma e comunicação posterior, regularmente divulgado, relativo ao
certame, ou utilizar-se de artifícios que venham a prejudicar o Processo Simplificado
de Seleção.
10.8 O candidato classificado deverá manter atualizados seus dados para contato
(endereço, telefone, e-mail, etc.) junto ao Departamento Pessoal da FUNSAUD,
sendo de sua inteira responsabilidade os prejuízos decorrentes da não atualização.
10.9 A qualquer tempo poder-se-á anular a classificação ou a contratação
temporária do candidato, desde que verificada falsidade em qualquer declaração e/ou
qualquer irregularidade nos documentos apresentados.
10.10 Será eliminado o candidato que não cumprir os requisitos deste Edital;
10.11 O candidato selecionado nos termos deste edital que não se apresentar na
data e horário estabelecido no Edital de Convocação serão considerados desistentes,
fazendo-se a convocação do candidato subsequente pela ordem de classificação.
10.12 Os candidatos serão classificados, em sequência decrescente de pontos,
sendo considerados para efeitos de admissão aqueles que apresentarem maior
pontuação apurada.
10.13 A Comissão Especial de Seleção do PSCR/FUNSAUD/2016, para
efeito de análise e julgamento dos documentos apresentados, poderá a qualquer
tempo, solicitar informações e/ou esclarecimentos aos candidatos.
10.14 As contratações serão efetivadas à medida que houver necessidade de
preenchimento das vagas/funções, obedecendo à ordem de classificação dos
candidatos selecionados e o prazo de validade estabelecido no item anterior, havendo
dotação orçamentária suficiente;
10.15AFUNSAUD formalizará a convocação através de Edital de convocação do
PSCR/FUNSAUD/2016, devendo o candidato convocado apresentar-se na data,
horário e local indicado.
10.16 O candidato selecionado que não apresentar-se no prazo fixado no item
anterior será considerado automaticamente desistente, fazendo-se a convocação do
candidato subsequente, na ordem de classificação perdendo o direito de pleitear a
admissão.
10.17AFUNSAUD reserva-se o direito de convocar, obedecendo criteriosamente
à ordem de classificação, os candidatos selecionados de acordo com suas necessidades
ou dos serviços por ela administrados.
10.18 O candidato poderá obter informações sobre o processo seletivo através do
telefone (67) 3420-7800 – Ramal: 203 ou pelo link: http://selecao.dourados.ms.gov.br
;
10.19 Os itens deste Edital poderão sofrer eventuais alterações, atualizações ou
acréscimos, enquanto não consumada a providência do evento que lhe disser respeito
ou até a data de convocação dos candidatos para a fase correspondente, circunstância
que será mencionada e publicadaemEdital correspondente.
10.20 O processo seletivo objeto deste edital destina-se exclusivamente à seleção
para contratação por tempo determinado.
10.21 Para dirimir todas as questões decorrentes deste edital, elege-se o foro da
Comarca de Dourados – MS.
Dourados/MS, 08 de Junho de 2016.
Fábio José Judacewski
Diretor Presidente d a FUNSAUD
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
CARGO/FUNÇÃO VAGAS ESCOLARIDADE/REQUISITOS ATRIBUIÇÕES DO CARGO
CARGA
HORÁRIA
SEMANAL
VENCIMENTO
(R$)
Analista de
Controle Interno I
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em Ciências
Contábeis; registro no órgão
fiscalizador da área de atuação
da respectiva função.
Desenvolver um conjunto de ações, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da Fundação de
Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, realizando a gestão contábil através da
avaliação e analise de documentos, elaborando estudos técnicos em matérias de contabilidade. Realizar
assessoramento a Diretoria executiva da FUNSAUD em processo administrativos e judiciais. Comprovar a
legalidade e avaliar os resultados, quanto à eficácia e eficiência, da gestão orçamentária, financeira, patrimonial
e fiscal, bem como da aplicação dos recursos. Realizar trabalhos que exijam conhecimentos básicos e/ou
específicos de informática e outras de mesma natureza e grau de complexidade, que venham a ser
determinadas. Seguir protocolos e outras normativas técnicas estabelecidas pela Fundação de Serviços de
Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais da profissão. Executar
tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no
período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de
saúde. Elaborar relatórios e pareceres técnicos
44h 2.798,00
Analista de
Controle Interno II
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em Administração,
Direito ou Economia; registro no
órgão fiscalizador da área de
atuação da respectiva função.
Desenvolver um conjunto de ações, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da Fundação de
Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, realizando atividades que envolvam o
planejamento, supervisão e coordenação, com o intuito de controlar a aplicação e utilização regular dos
recursos e bens nas áreas de gestão de pessoas, orçamento, finanças e patrimônio, compreendendo a
avaliação dos resultados alcançados, análise e registro de documentos, bem como auditoria. Realizar
assessoramento a Diretoria executiva da FUNSAUD em processos administrativos e judiciais Realizar
trabalhos que exijam conhecimentos básicos e/ou específicos de informática e outras de mesma natureza e
grau de complexidade, que venham a ser determinadas. Seguir protocolos e outras normativas técnicas
estabelecidas pela Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as
disposições legais da profissão. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão,
inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação
e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Elaborar relatórios e pareceres técnicos.
44h 2.798,00
EDITAL Nº. 001 /PSCR/FUNSAUD/2016 de 08 de Junho de 2016
ANEXO I TABELA DE FUNÇÕES
Assistente Social
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em serviço social;
registro no órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a
proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde,
através de atuação em equipe multiprofissional. Atuar nas áreas de vigilância em saúde: epidemiológica,
sanitária e ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativo-gerenciais. Prestar serviços
sociais orientando indivíduos, famílias, comunidade e instituições sobre direitos e deveres, serviços e recursos
sociais e programas de educação em saúde; Providenciar a documentação necessária para identificação do
usuário e encaminhamento à assistência; Orientar familiares quanto aos procedimentos funerários e benefícios
previdenciários; Notificar os órgãos competentes sempre que houver suspeita ou confirmação de negligência,
maus tratos e/ou violência contra qualquer usuário; Fazer contato com os órgãos competentes para
providenciar remoção de pacientes que necessitem de encaminhamento para Unidades Hospitalares, Centrais
de Triagem e recepção ou Abrigos. Seguir protocolos e outras normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais
da profissão. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados,
domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento
dos trabalhadores de saúde. Elaborar relatórios e pareceres técnicos.
30h 1.908,00
10
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
Biomédico
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em biomedicina;
registro no órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Realizar pesquisas sobre todas as formas de vida, efetuando estudos e experiências com espécimes
biológicos, para incrementar os conhecimentos científicos e descobrir suas aplicações em vários campos,
como medicina e áreas afins, classificando-os, para permitir o estudo da evolução e das doenças das espécies
e outras questões.
44h 2.798,00
Enfermeiro
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em enfermagem;
registro no órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a
proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde,
através de atuação em equipe multiprofissional. Atuar nas áreas de vigilância em saúde: epidemiológica,
sanitária e ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativas/gerenciais. Realizar assistência
de Enfermagem seguindo protocolos e outras normativas técnicas estabelecidas pela Fundação de Serviços de
Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais da profissão. Executar
tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no
período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de
saúde. Elaborar relatórios e pareceres técnicos.
44h 2.798,00
Farmacêutico
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em farmácia;
registro no órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Preparar, manipular e acondicionar insumos farmacêuticos e/ou para uso no diagnóstico laboratorial em geral,
bem como orientar as unidades quanto ao uso, à diluição e à armazenagem de medicamentos. Realizar
exames laboratoriais, análises clínicas, análises microbiológicas e imunológicas. Supervisionar e controlar o
estoque, distribuição e consumo de drogas e medicamentos, de acordo com a legislação vigente. Verificar as
prescrições médicas, avaliando as possíveis interações, medicamentos e/ou efeitos colaterais das drogas
prescritas. Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme
demanda da Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a
promoção e a proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção
da saúde, através de atuação em equipe multiprofissional. Atuar nas áreas de vigilância em saúde:
epidemiológica, sanitária e ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativas/gerenciais.
Seguir protocolos e outras normativas técnicas estabelecidas pela Fundação de Serviços de Saúde de
Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais da profissão. Executar tarefas para
atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno
e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Elaborar
relatórios e pareceres técnicos.
44h 2.798,00
Fisioterapeuta
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em fisioterapia;
registro no o órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a
proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde,
através de atuação em equipe multiprofissional. Atuar nas áreas de vigilância em saúde: epidemiológica,
sanitária e ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativas/gerenciais. Avaliar o estado
funcional do cliente, a partir da identidade da patologia clínica intercorrente, de exames laboratoriais e de
imagens, da anamnese funcional e exame de funcionalidade, elaborando o diagnóstico, prescrevendo,
ministrando e supervisionando terapias conforme a necessidade do paciente. Seguir protocolos e outras
normativas técnicas estabelecidas pela Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas
regulamentadoras, observadas as disposições legais da profissão. Executar tarefas para atender unidades de
saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar
dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Elaborar relatórios e pareceres
técnicos.
30h 1.908,00
Fonoaudiólogo
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em Fonoaudiologia;
registro no órgão fiscalizador da
área de Atuação da respectiva
função.
Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a
proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde,
através de atuação em equipe multiprofissional. Atuar nas áreas de vigilância em saúde: epidemiológica,
sanitária e ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativas/gerenciais. Prescrever, ministrar
e supervisionar Terapia da Fala, Audição, deglutição e demais terapias necessárias. Seguir protocolos e outras
normativas técnicas estabelecidas pela Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas
regulamentadoras, observadas as disposições legais da profissão. Executar tarefas para atender unidades de
saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar
dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Elaborar relatórios e pareceres
técnicos.
44h 2.798,00
Nutricionista
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em nutrição;
registro no órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a
proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde,
através de atuação em equipe multiprofissional. Prescrever e supervisionar a administração de dietas e demais
ações relacionadas à dietoterapia. Atuar nas áreas de vigilância em saúde: epidemiológica, sanitária e
ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativas/gerenciais. Seguir protocolos e outras
normativas técnicas estabelecidas pela Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas
regulamentadoras, observadas as disposições legais da profissão. Executar tarefas para atender unidades de
saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar
dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Elaborar relatórios e pareceres
técnicos.
44h 2.798,00
Psicólogo
Cadastro
de
Reserva
Nível superior em psicologia;
registro no órgão fiscalizador da
área de atuação da respectiva
função.
Desenvolver um conjunto de ações de saúde, de qualquer nível de complexidade, conforme demanda da
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados, no âmbito individual e coletivo, que abrange a promoção e a
proteção de saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, reabilitação e a manutenção da saúde,
através de atuação em equipe multiprofissional. Atuar nas áreas de vigilância em saúde: epidemiológica,
sanitária e ambiental, por meio de práticas assistenciais e/ou administrativas/gerenciais. Identificar, aplicar e
supervisionar terapias tanto no âmbito individual quanto coletivo. Seguir protocolos e outras normativas técnicas
estabelecidas pela Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as
disposições legais da profissão. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão,
inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação
e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Elaborar relatórios e pareceres técnicos.
44h 2.798,00
CARGO/FUNÇÃO VAGAS ESCOLARIDADE/REQUISITOS ATRIBUIÇÕES DO CARGO
CARGA
HORÁRIA
SEMANAL
VENCIMENTO
(R$)
Assistente
Administrativo
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Executar tarefas de atendimento ao público tanto externo à instituição, quanto a área de trabalho ou unidade
administrativa, conforme a política de humanização do SUS, Auxiliar o usuário, fornecendo informações gerais
e orientações. Realizar o registro dos dados específicos da função, executar tarefas pertinentes a área de
atuação utilizando-se de equipamentos e programas de informática. Registrar informações técnicas e
administrativas, referentes ao SUS e atividades de saúde em relatórios e planilhas; Receber, registrar,
classificar, atuar e controlar a tramitação e distribuição de processos e documentos; Operacionalizar
equipamentos e sistemas tecnológicos e rotinas de computação, digitação de textos, planilhas e operação de
todos os equipamentos de informática e telefonia. Executar serviços administrativos especializados na área da
saúde e conforme a necessidade do setor atividades relacionadas aos recursos humanos, financeira,
orçamentária, administrativa geral, patrimônio, material, compras e comunicação administrativa e Elaborar
boletins de produção e afins, condizentes com o tipo de atividade desenvolvida pela unidade de saúde.
Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e
feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos
trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado
funcionamento da Unidade na qual estiver lotado.
44h 958
II – PARA CARGOS DE NÍVEL MÉDIO.
11
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
Cozinheiro
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Confeccionar, junto ao nutricionista, cardápios e receitas, Buscar sempre a melhoria das condições
nutricionais; Coordenar a elaboração dos cardápios, observando rigidamente o cardápio estabelecido e as
normas técnicas; Avaliar a qualidade da matéria-prima; Primar pelas normas de saúde de higiênico-sanitárias,
para manutenção da qualidade dos alimentos e conservação das dependências internas da cozinha, despensa,
utensílios e equipamentos; Controlar o tempo de preparo; Garantir a higiene do local de trabalho; realizar a
degustação dos pratos antes de serem encaminhados à distribuição; Conferir o kit de materiais para a
execução do trabalho; Solicitar materiais necessários ao almoxarifado; Executar o cardápio do dia; Coordenar
os auxiliares de cozinha se for o caso; trabalhar em equipe se for o caso; servir as refeições; Verificar o
funcionamento de equipamentos e comunicar a necessidade de manutenção ou conserto; Separar ingredientes
e instrumentos necessários ao preparo; Contribuir para o controle do estoque, fornecendo informações sobre
todos os materiais dele retirados para sua utilização; Comunicar imediatamente a constatação de gêneros
impróprios para o consumo ou que possam causar algum perigo à saúde dos usuários do serviço de
alimentação; Orientar o pré-preparo, o preparo, e a distribuição dos alimentos, bem dispensar adequadamente
os restos da produção e distribuição dos alimentos; Orientar os funcionários da cozinha quanto ao
desenvolvimento de suas atividades; Atender com urbanidade (delicadeza) os usuários; Requerer, com
antecedência, o material em quantidade adequada ao desenvolvimento de suas funções; Manter boa
apresentação e higiene pessoal; Prestar informações referentes às suas atribuições sempre que solicitado;
Não permitir a presença de pessoas estranhas ao serviço no interior da cozinha; Zelar pelo patrimônio sob a
sua guarda direta. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive
sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e
aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o
adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios de acordo com sua
competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.Executar outras tarefas correlatas ao cargo e/ou
determinadas pelo superior imediato.
44h 1.128,00
Motorista
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo, CNH
categoria “D”
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Conduzir veículos para transporte de pessoas, cargas e documentos, Observando as regras básicas de
segurança de trânsito e direção preventiva, zelar pela conservação do veículo, verificando as condições de
limpeza, óleo, água, combustível, bateria, pneus e sistema elétrico, e relatar as ocorrências para fins de
reparos e revisões periódicas. Auxiliar nos atos de primeiros socorros e conduzir ambulância no transporte de
doentes e apoiar a remoção e transporte do doente de ambulância para maca. Executar tarefas para atender
unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e
noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do
gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado.
Elaboração de relatórios de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 1.128,00
Técnico em
Imobilização
Ortopédica
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; Curso de
técnico em imobilização
ortopédica e registro no órgão
fiscalizador da área de atuação
da respectiva função.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Confeccionar e retirar aparelhos gessados, talas gessadas e enfeixamentos com uso de material convencional
e sintético. Executar imobilizações com uso de esparadrapo e talas digitais; Preparar e executar trações
cutâneas; Auxiliar o médico ortopedista na instalação de trações esqueléticas e nas manobras de reduções
manuais; Preparar sala para realização de procedimentos; Realizar manobras de redução manual punções e
infiltrações, dentre outras atividades inerentes à função. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por
escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos
programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos
insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de
relatórios e pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a
necessidade.
44h 1.760,00
Técnico em
Segurança
Trabalho
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; Curso
técnico em Segurança do
Trabalho; Registro na delegacia
Regional do Trabalho.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Supervisionar as atividades ligadas à segurança do trabalho, visando assegurar condições que eliminem ou
reduzam ao mínimo os riscos de ocorrência de acidente de trabalho, observando o cumprimento de toda a
legislação pertinente, dentre outras atividades inerentes à função. Executar tarefas para atender unidades de
saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar
dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos
insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de
relatórios e pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a
necessidade.
44h 1.128,00
Técnico em
Banco de Sangue
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; curso
técnico em Banco de Sangue
(Hemoterapia); registro no órgão
fiscalizador da área de atuação
da respectiva função
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Ter conhecimento específico do funcionamento, organização e estrutura física de um banco de sangue; atuar
na coleta e captação de doadores; ser capaz de identificar os diferentes tipos sanguíneos; atuar nos testes pré
e pós transfusões; atuar de modo imediato nas reações adversas às transfusões e ter conhecimento específico
da legislação vigente e normas técnicas. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de
plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de
capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos
necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios e
pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 1.128,00
Técnico em
Edificação Predial
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; Curso de
técnico em edificação. Registro
no órgão Fiscalizador da área de
Atuação da respectiva função
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Realizar levantamento topográfico: levantamento planialtimétrico; elaborar desenho topográfico; desenvolver
planilhas de cálculo; locar obras; conferir cotas e medidas. Desenvolver projetos sob supervisão: Coletar dados
do local; interpretar projetos; elaborar plantas seguindo normas e especificações técnicas; elaborar projetos
arquitetônicos; desenvolver projeto de estrutura de concreto; elaborar projetos de estrutura metálica,
instalações hidrossanitárias, elétricas, telefônicas, de prevenção e combate à incêndios, de ar condicionado e
cabeamento estruturado. Legalizar projetos e obras: Conferir projetos; selecionar documentos para legalização
da obra; encaminhar projetos para aprovação junto aos órgãos competentes; controlar prazo de documentação;
organizar arquivo técnico. Executar a Manutenção predial e de instalações hidráulicas, redes de tubulação,
distribuição e coleta de água, esgotos e outros; Instalar e consertar quaisquer dispositivos hidráulicos; Realizar
pequenos reparos e executar trabalhos de acabamentos em superfícies internas e externas. Manter as
condições de higiene e limpeza dos ambientes, dentre outros serviços solicitados inerentes à função. Executar
tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no
período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de
saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na
qual estiver lotado. Elaboração de relatórios e pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando
solicitada ou verificado a necessidade.
44h 1.128,00
12
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
Técnico em
Farmácia
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; curso
técnico em Farmácia; registro no
órgão fiscalizador da área de
atuação da respectiva função.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Desenvolver atividades técnicas sob supervisão do farmacêutico, atuando na analise, armazenamento,
distribuição e controle de estoques de medicamentos, insumos e correlatos. Realizar conforme prescrição a
preparação, fracionamento, acondicionamento, rotulagem e distribuição de fórmulas, medicamentos e insumos
a serem utilizados pelos pacientes, operar sistemas de informática de cadastro de medicamentos e insumos.
Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e
feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos
trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado
funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios e pareceres técnicos, de acordo
com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 1.128,00
Técnico em
Enfermagem
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; curso
técnico em enfermagem; registro
no órgão fiscalizador da área de
atuação da respectiva função.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Prestar assistência de enfermagem segura, humanizada e individualizada aos clientes, sob supervisão do
enfermeiro, assim como colaborar nas atividades de ensino e pesquisa desenvolvidas na Instituição; Auxiliar o
superior na prevenção e controle das doenças transmissíveis em geral, em programas de vigilância
epidemiológica e no controle sistemático da infecção hospitalar; Preparar clientes para consultas e exames,
orientando-os sobre as condições de realização dos mesmos; Colher e ou auxiliar o cliente na coleta de
material para exames de laboratório, segundo orientação; Orientar e auxiliar clientes, prestando informações
relativas a higiene, alimentação, utilização de medicamentos e cuidados específicos em tratamento de saúde;
Verificar os sinais vitais e as condições gerais dos clientes, segundo prescrição médica e de enfermagem;
Preparar e administrar medicações por via oral, tópica, intradérmica, subcutânea, intramuscular, endovenosa e
retal, segundo prescrição médica, sob supervisão do Enfermeiro. Cumprir prescrições de assistência médica e
de enfermagem; Auxiliar nos atendimentos de urgência e emergência, pacientes críticos e em choque;
Realizar controles e registros das atividades do setor e outros que se fizerem necessários para a realização de
relatórios e controle estatístico; Efetuar o controle diário do material utilizado, bem como requisitar, conforme
as normas da Instituição, o material necessário à prestação da assistência à saúde do cliente; Controlar
materiais, equipamentos e medicamentos sob sua responsabilidade; Manter equipamentos e a unidade de
trabalho organizada, zelando pela sua conservação e comunicando ao superior eventuais problemas; Executar
atividades de limpeza, desinfecção, esterilização de materiais e equipamentos, bem como seu armazenamento
e distribuição; Realizar atividades na promoção de campanhas; Participar de programa de treinamento, quando
convocado; Executar tarefas pertinentes à área de atuação, utilizando-se de equipamentos e programas de
informática; Executar outras tarefas compatíveis com as exigências para o exercício da função. Executar
tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no
período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de
saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na
qual estiver lotado. Elaboração de relatórios e pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando
solicitada ou verificada a necessidade.
44h 1.128,00
Técnico em
Radiologia
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; Curso
técnico em radiologia; Registro
no órgão Fiscalizador da área de
Atuação da respectiva função.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Operar aparelho de RX na realização dos diversos tipos de exames diagnósticos, executando todas as
técnicas de exames gerais e especiais de sua competência, manusear soluções químicas e substâncias
radioativas; revelar filmes, Trabalhar nas câmaras claras e escuras, zelar pela conservação dos equipamentos
radiográficos, mantendo a área de trabalho organizada, auxiliar na assistência ao paciente. Executar tarefas
para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período
diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde.
Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual
estiver lotado. Elaboração de relatórios e pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando
solicitada ou verificada a necessidade.
24h 1.760,00
Técnico em
Informática
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; curso
técnico em informática.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Suporte à microinformática, instalando, configurando e montando microcomputadores e seus periféricos de
maneira isolada, em rede local ou com acesso à Internet; Programação de microcomputadores, conciliando
linguagens e ambientes de programação com estruturas de dados a fim de gerar e manter softwares e o
treinamento dos usuários de sistemas; Suporte a redes de computadores, identificando meios, dispositivos e
padrões de comunicação, bem como montando e administrando serviços e funções de servidores e clientes de
rede; Planejar, elaborar, executar, supervisionar e avaliar projetos em informática; Conhecer e desenvolver
processos de documentação de projetos de estruturas físicas de redes; Conhecer técnicas de modelagem de
dados; Interpretar e avaliar projetos de sistemas; Implementar as estruturas modeladas usando um banco de
dados; Desenvolver aplicativos utilizando metodologias orientadas a objetos; Conhecimento de metodologias e
técnicas para desenvolvimento de políticas de segurança em diversos níveis de estrutura lógica e física, para a
implementação de meios de prevenção e proteção da informação; programação avançada de
microcomputadores com o uso de banco de dados, implementando projetos de desenvolvimento de softwares
voltados para a Internet e para os ambientes corporativos; Aplicar normas, métodos, técnicas e procedimentos
no desenvolvimento de softwares; Adequar-se às mudanças tecnológicas no campo da informática. Executar
tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no
período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de
saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na
qual estiver lotado. Elaboração de relatórios e pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando
solicitada ou verificado a necessidade.
44h 1.128,00
Técnico em
Laboratório
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo; Curso
Técnico em Laboratório OU
Experiência comprovada em
como Técnico em Laboratório
pelo Período de mínimo de 06
meses consecutivos.
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Executar trabalhos relacionados com a área de atuação, realizando ou orientando coleta, análise e registros de
material e substâncias através de métodos específicos. Auxiliar e executar atividades padronizadas de
laboratório – automatizadas ou técnicas clássicas – necessárias ao diagnóstico, nas áreas de parasitologia,
microbiologia médica, imunologia, hematologia, bioquímica, biologia molecular e urinálise. Colabora, compondo
equipes multidisciplinares, na investigação e implantação de novas tecnologias biomédicas relacionadas às
análises clínicas, entre outras funções.
44h 1.128,00
Vigia
Cadastro
de
Reserva
Nível médio completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Fazer rondas de inspeção em intervalos fixados (escalas de serviço), adotando providências com a finalidade
de evitar roubos, incêndios e danos às instalações e materiais sob sua guarda e zelar pelo patrimônio
mantendo limpo e organizado o ambiente de trabalho; auxiliar na manutenção da rede física; fiscalizar a
entrada e saída de pessoas e veículos, pelos portões ou portas de acesso ao local que estiver sob sua
responsabilidade, verificar as autorizações para o ingresso nos referidos locais e vedar a entrada às pessoas
não autorizadas, verificar se as portas e janelas estão devidamente fechadas, levar ao conhecimento dos
dirigentes da unidade onde trabalha quaisquer irregularidades verificadas, percorrendo e Inspecionando as
dependências do imóvel que estiver protegendo. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas
de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de
capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos
necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios e
pareceres técnicos, de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 958
13
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
CARGO/FUNÇÃO VAGAS ESCOLARIDADE/REQUISITOS ATRIBUIÇÕES DO CARGO
CARGA
HORÁRIA
SEMANAL
VENCIMENTO
(R$)
Auxiliar Serviços
Gerais I
Higienização e
Hotelaria
Cadastro
de
Reserva
Nível fundamental completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Realizar as ações de higienização, organização, controle e conservação de mobiliários, máquinas, objetos e
congêneres das Unidades de Atendimento da FUNSAUD. Remover todo o lixo da unidade. Abastecer sanitário
com materiais necessários. Proceder a remoção e transporte de materiais diversos. Realizar o controle do
enxoval e fardamento das unidades de saúde. Acondicionar e distribuir roupas aos setores da Unidade em que
atua. Avaliar e selecionar as condições de uso do enxoval e fardamento, realizando reparos e consertos através
do manuseio de máquina de costura, acompanhar os procedimentos técnicos de lavagem, secagem,
passagem e guarda das roupas. Elaborar e encaminhar a requisição de coleta e entrega de roupas para a
lavanderia. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados,
domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento
dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado
funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios de acordo com sua competência,
quando solicitada ou verificada a necessidade.
Auxiliar de
Serviços Gerais II
Manutenção
Cadastro
de
Reserva
Nível fundamental completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Executar serviços de reparos/consertos de elétrica, mecânica, hidráulica, carpintaria e alvenaria, substituindo,
trocando, limpando, reparando e instalando peças, componentes e equipamentos. Conservar , vidros e
fachadas, limpar recintos e acessórios. Trabalhar seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e
proteção ao meio ambiente. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de plantão,
inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de capacitação
e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o
adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios de acordo com sua
competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
Auxiliar de
Farmácia
Cadastro
de
Reserva
Nível fundamental completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Executar tarefas de atendimento ao público; auxiliar nos serviços de cadastro de pacientes, controle de
estoque de medicamentos e materiais de uso médico-hospitalar das unidades de saúde; auxiliar nos
procedimentos de compras, controle de material e patrimônio; participar de cursos e capacitações
relacionadas às atribuições do cargo; auxiliar outras tarefas de apoio administrativo voltadas para o
cumprimento das finalidades da administração. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas
de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de
capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos
necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios de
acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 801
44h 895
III – PARA CARGOS DE NÍVEL FUNDAMENTAL.
Auxiliar de Saúde
Bucal
Cadastro
de
Reserva
Nível fundamental completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Executar tarefas auxiliares no tratamento odontológico. Orientar pacientes sobre higiene bucal; marcar
consultas. Manter em ordem arquivo e fichário; revelar e montar radiografias intra-orais; preparar o paciente
para atendimento; auxiliar no atendimento ao paciente, instrumentar o cirurgião dentista e o técnico em higiene
dental, junto a cadeira operatória, manipular materiais restauradores, colaborar em atividades didáticocientíficas
e em campanhas humanitárias, auxiliar na organização de arquivos, envio e recebimento de
documentos, pertinentes a sua área de atuação para assegurar a pronta localização de dados, zelar pela
segurança individual e coletiva, utilizando equipamentos de proteção apropriados, quando da execução dos
serviços, desenvolver suas atividades, aplicando normas e procedimentos de biossegurança, zelar pela guarda,
conservação, manutenção e limpeza dos equipamentos, instrumentos e materiais utilizados, bem como do
local de trabalho, manipular substâncias restauradoras; revelar e montar radiografia infra oral; preparar o
paciente para atendimento; promover o isolamento relativo; selecionar moldeiras; realizar a profilaxia; orientar
os pacientes sobre higiene bucal; integrar a equipe de saúde bucal; manter a ordem e limpeza do ambiente de
trabalho; manter equipamentos limpos; proceder a conservação e manutenção do equipamento odontológico;
executar atividades de lavagem, desinfecção e esterilização dos instrumentos; desenvolver atividades em
odontologia sanitária; executar outras atividades compatíveis com o cargo;. Executar tarefas para atender
unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e
noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do
gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado.
Elaboração de relatórios de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 895
Copeiro
Cadastro
de
Reserva
Nível fundamental completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Organizar e executar ações e serviços de copa e cozinha. Realizar atividade de recebimento conferência,
transporte e distribuição de alimentos e materiais. Aquecer, preparar e distribuir dietas à pacientes e
comensais de acordo com o cardápio elaborado pela nutricionista. Abastecer carros de transporte com os
componentes de dietas normais e especiais, além das louças e utensílios necessários à distribuição das
refeições. Preparar o local e materiais destinados à distribuição das refeições dos comensais. Recolher,
higienizar e esterilizar louças, materiais acessórios e equipamentos. Proceder à higienização e
abastecimentos de bebedouros. Manter o ambiente de trabalho limpo e organizado. Executar tarefas para
atender unidades de saúde, por escalas de plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno
e noturno. Participar dos programas de capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar
do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado.
Elaboração de relatórios de acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
44h 895
Telefonista
Cadastro
de
Reserva
Nível fundamental completo
Desenvolver as atribuições comuns a todos os membros da equipe na qual estiver inserido, bem como as
atribuições específicas de acordo com o disposto em protocolos e normativas técnicas estabelecidas pela
Fundação de Serviços de Saúde de Dourados e normas regulamentadoras, observadas as disposições legais.
Operar equipamentos de PABX, atender, transferir, cadastrar e completar chamadas telefônicas, Auxiliar o
usuário, fornecendo informações gerais e orientações. Realizar o registro dos dados específicos da função,
mantendo atualizada a relação de contatos. Executar tarefas para atender unidades de saúde, por escalas de
plantão, inclusive sábados, domingos e feriados, no período diurno e noturno. Participar dos programas de
capacitação e aprimoramento dos trabalhadores de saúde. Participar do gerenciamento dos insumos
necessários para o adequado funcionamento da Unidade na qual estiver lotado. Elaboração de relatórios de
acordo com sua competência, quando solicitada ou verificada a necessidade.
36h 895
14
FUNDAÇÕES/EDITAL – FUNSAUD
AIKO MIYAI BASHO torna público que recebeu do Instituto de Meio Ambiente
de Dourados – IMAM de Dourados (MS), a Licença Ambiental Simplificada LS Nº
39.923/2015, para atividade de Construção de Imóvel Comercial, localizada na Rua
Hiran Pereira de Mattos, Nº 1030, Parte do Quarteirão 105, no Município de Dourados
(MS). Válida até 03 de junho de 2019.
GEOVANE PAES RAMOS ME portadora do CNPJ 22.339.653/0001-32, torna
Público que REQUEREU do Instituto de Meio Ambiente de Dourados – IMAM de
Dourados (MS), a Licença Ambiental Simplificada LS, para atividade de SELARIA,
localizada Rua Antônio Emílio de Figueiredo, 1090, Centro, no Município de
Dourados (MS). Não foi determinado Estudo de ImpactoAmbiental.
MGT BRASIL COMERCIAL IMPORTADORA E EXPORTADORA LTDA,
torna Público que requereu do Instituto de Meio Ambiente de Dourados – IMAM de
Dourados (MS), a AUTORIZAÇÃO AMBIENTAL – AA para atividade de
COMÉRCIO ATACADISTA DE ALIMENTOS PARAANIMAIS localizada na AV.
HAYEL BOM FAKER, 3050, Térreo, JARDIM CARAMURU, no município de
Dourados (MS). Não foi determinado Estudo de ImpactoAmbiental.
NELSON RODRIGUES DE SOUZA, torna público que requereu do Instituto de
Meio Ambiente de Dourados – IMAM de Dourados (MS), a Autorização Ambiental -
AA, para atividade de Piscicultura de Engorda em Sistema Semi-Intensivo; com área
inundável de 22.824,00 m², localizada no Lote 12 e 13 da Quadra 16- Sitio LagoAzul-
Distrito de Panambi , no Município de Dourados (MS). Não foi determinado Estudo
de ImpactoAmbiental.
RA Comércio de Serviços Eirelli ME, torna público que requereu do Instituto de
MeioAmbiente de Dourados – IMAM, Licença Simplificada – LS, para a atividade de
Prestação de serviços em manutenção e reparação mecânica de veículos automotores,
localizada na Rua Bela Vista, 2205 – Jardim água Boa, no Município de Dourados
(MS). Não foi determinado estudo de impacto ambiental.
R.B. de Melo & Cia Ltda.torna público que requereu do Instituto de Meio
Ambiente de Dourados – IMAM, a Renovação de Licença de Operação – RLO, para a
atividade de ComércioVarejista de medicamentos veterinários e comércio varejista de
animais vivos e de artigos e alimentos para animais de estimação, localizada na Rua
Hilda Bergo Duarte, 909 – Vila Planalto, no Município de Dourados (MS). Não foi
determinado estudo de impacto ambiental.
TOMACHA COMÉRCIO IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS
ALIMENTÍCIOS LTDA-ME portadora do CNPJ 21.756.711/0001-60, torna Público
que RECEBEU do Instituto de Meio Ambiente de Dourados – IMAM de Dourados
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
EDITAIS – LICENÇA AMBIENTAL
DATA EVENTO
09/06/2016 Publicação do Edital
13/06/2016 a 22/06/2016 Período de Inscrição Geral
20/06/2016 a 24/06/2016 Entrega de Títulos
20/06/2016 a 28/06/2016 Avaliação dos Títulos
30/06/2016 Resultado da Prova de Título
01/07/2016 a 04/07/2016 Recurso da Prova de Título
07/07/2016 Resultado do Recurso – Homologação
*Todos os atos referentes a este Processo Seletivo de Cadastro de Reserva serão publicados no Diário Oficial do Município de Dourados, disponíveis no site: www.dourados.ms.gov.br
Cronograma de realização do Processo Seletivo de Cadastro de Reserva
ANEXOII
NOTIFICAÇÃO
Vera Lucia Delabrio Bonato
Diretora de Administração e Finanças-AGEHAB
Zelinda Inês Silva Lima Fernandes
Diretora Superintendente-AGEHAB
MUNICÍPIO DE DOURADOS-MS, pessoa jurídica de direito público interno,
devidamente inscrito no CNPJ sob nº. 03.155.926/0001-44 com sede na Rua Coronel
Ponciano nº. 1700, nesta cidade de Dourados-MS, por interveniência da Agência
Municipal de Habitação de Interesse Social – AGEHAB – através da Diretora
Superintendente Zelinda Inês Silva Lima Fernandes, ao final firmado, pelo presente
instrumento, tendo em vista as irregularidades apontadas na posse do imóvel objeto do
processo nº. 9804 através do Processo Administrativo nº. 22/2016 e por falta de
cumprimento das obrigações do donatário do imóvel determinado pelo Lote 1A da
Quadra 45 do Loteamento Social Jardim Canaã III, pelo presente NOTIFICA o Sr.
Paulo Moreno Ramos, Titular do CPF nº 903.472.341-00 para em 10 (dez) dias a
contar da publicação da presente apresentar sua DEFESA, por escrito, na AGEHAB,
localizada na Rua Coronel Ponciano n° 1700, Parque dos Jequitibás, tendo em vista
processo deRETOMADADOIMÓVEL.
Não apresentada defesa escrita no prazo acima, após Publicação do Ato
Revogatório, fica Revogada a doação.
Dourados – MS, 23 de Maio de 2016.
DEMAIS ATOS/NOTIFICAÇÃO – AGEHAB
15
EDITAIS – LICENÇA AMBIENTAL
SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS NA REGIÃO DA
GRANDEDOURADOS(SINJORGRAN)
CONVOCAÇÃO
Luís Carlos Luciano
Presidente do Sinjorgran
SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS NA REGIÃO DA
GRANDEDOURADOS(SINJORGRAN)
CONVOCAÇÃO
Luís Carlos Luciano
Presidente do Sinjorgran
Em conformidade com o Artigo 35 e seu Parágrafo Único dos Estatutos Sociais, o
Sindicato dos Jornalistas Profissionais da Região da Grande Dourados (Sinjorgran)
convoca sua diretoria e os jornalistas filiados daTVMorena que estejam quites com as
obrigações estatutárias para umaASSEMBLEIAGERALEXTRAORDINÁRIAa ser
realizada em sua sede, à Avenida Joaquim Teixeira Alves, 1985, sala 07, centro, em
Dourados, no dia 11 de junho de 2016, com primeira chamada às 14h, com a seguinte
ordem do dia:
-Aprovação ou não da proposta da empresa para renovação doAcordo Coletivo de
Trabalho (ACT) para o período 2016/2017;
- Outros assuntos.
Dourados (MS), 08 de junho de 2016.
Em conformidade com o Artigo 35 e seu Parágrafo Único dos Estatutos Sociais, o
Sindicato dos Jornalistas Profissionais da Região da Grande Dourados (Sinjorgran)
convoca sua diretoria e os jornalistas filiados da TV RIT que estejam quites com as
obrigações estatutárias para umaASSEMBLEIAGERALEXTRAORDINÁRIAa ser
realizada em sua sede, à Avenida Joaquim Teixeira Alves, 1985, sala 07, centro, em
Dourados, no dia 11 de junho de 2016, com primeira chamada às 15h, com a seguinte
ordem do dia:
-Aprovação ou não da proposta da empresa para renovação doAcordo Coletivo de
Trabalho (ACT) para o período 2016/2017;
- Outros assuntos.
Dourados (MS), 08 de junho de 2016.
Diário Oficial – ANO XVIII – Nº 4.226 DOURADOS, MS QUINTA-FEIRA, 09 DE JUNHO DE 2016
EXTRATO DO PRIMEIRO TERMO ADITIVO
AO CONTRATO Nº. 007/2015/PREVID
Antonio Marcos Marques
Diretor Presidente
PARTES: Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de
Dourados – PreviD
MARIAINESHARUKOSAKAI-ME
PROCESSO: Processo de Licitação nº 010/2015, na Modalidade Dispensa de
Licitação nº 007/2015.
OBJETO: prorrogação do prazo contratual por mais 12 (doze) meses, com início
em03/06/2016 e com previsão de vencimentoem02/06/2017.
FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 57, da Lei n. º 8.666/93 e Alterações
Posteriores.
DOTAÇÃOORÇAMENTÁRIA:
07.00. – Secretaria Municipal deAdministração
07.02. – Instituto de previdência social dos servidores do município de Dourados
09.272.124. – Manter o Regime próprio de Previdência Social – RPPS
2.075 – Manutenção dasAtividades do IPSSD
33.90.30.00- Material de consumo
33.90.30.04- Gêneros de alimentaçãoemgeral
Fonte 103000
Ficha 483
Valor global Contratual: R$ 1.440,00 (mil quatrocentos e quarenta reais)
Data de assinatura: 03 de junho de 2016.
EXTRATO – PREVID
CONVOCAÇÃO – SINJORGRAN
(MS), a Licença Ambiental Simplificada LS, para atividade de LANCHONETE ,
localizada Rua João Candido Câmara, 585 B-TÉRREO, Jardim América, no
Município de Dourados (MS). Não foi determinado Estudo de ImpactoAmbiental.
TRANSPORTADORA DEWES LTDA – ME, torna Público que requereu do
Instituto de Meio Ambiente de Dourados – IMAM de Dourados (MS), a
AUTORIZAÇÃO AMBIENTAL – AA para atividade de TRANSPORTE
RODOVIÁRIO DE CARGAS, EXCETO PRODUTOS PERIGOSOS E
MUDANÇAS localizada na RUA ROSEMIRO RODRIGUES VIEIRA, 360,
FUNDOS, PARQUE DAS NAÇÕES II, no município de Dourados (MS). Não foi
determinado Estudo de ImpactoAmbiental.
VILANOVA COMÉRCIO DE ALIMENTOS LTDA-ME, torna Público que
requereu do Instituto de Meio Ambiente de Dourados – IMAM de Dourados (MS), a
Licença Ambiental Simplificada – (LS) para atividade Comércio de Mercadorias em
Geral e Restaurante, localizada na Rua/Av.Wilson Dias Pinho, nº 1.155 -A– Jardim
Márcia – no município de Dourados (MS). Não foi determinado Estudo de Impacto
Ambiental.

Desenvolvido pelo Depto de Tecnologia da Informação - Secretaria Municipal de Administração - Prefeitura de Dourados - 2017